Exercícios para papada podem ajudar a tonificar os músculos da face e mandíbula, e manter a pele firme ao longo da linha do maxilar, reduzindo o excesso de gordura e a papada.

Tenha em mente que a perda de peso muitas vezes pode ajudar a eliminar a papada, mas nem todas as pessoas que estão com sobrepeso têm papada, já que às vezes, a causa é genética.

Os exercícios a seguir podem ajudar a reduzir a papada e melhorar sua aparência:

Para tonificar os músculos da mandíbula, pescoço e garganta, você deve levantar o queixo, estando em pé ou sentando-se de frente com as costas retas; incline a cabeça para trás para olhar para o teto e junte os lábios como se estivesse a beijar o teto, mentalmente contando até cinco e repita de cinco a dez vezes.

Este exercício, além de alongar e tonificar os músculos da mandíbula, garganta e pescoço, também alivia a tensão nos ombros e alivia a dor no pescoço e ombro, por isso em pé ou sentado com a coluna reta, tome ar, vire a cabeça para o lado e olhe para esse lado, tocando o ombro com o queixo. Depois expire, virando a cabeça para descansar o queixo no peito, mantendo a coluna reta e os ombros para trás, em seguida, inspire e execute o exercício para o outro lado, repetindo em ambos os lados de cinco a dez vezes.

O próximo exercício reduz a papada e alonga os músculos do rosto; você deve manter sua coluna ereta e inspire o ar pelo nariz profundamente e expire lentamente enquanto cantarola zumbidos com os lábios apertados. Enquanto você está inspirando e expirando, mova o queixo como se estivesse mastigando.

Quando terminar de expirar, abra a boca amplamente e inspire e expire fazendo um som de “ahh”. Para ajudar a relaxar a mandíbula, coloque a ponta da sua língua suavemente contra a parte de trás dos dentes inferiores e repita todos os passos do exercício de cinco a dez vezes.

Para manter a garganta forte, este exercício fortalece e tonifica o músculo platisma que vai da linha da mandíbula até o seu ombro. Com a coluna reta, aperte seus lábios contra os dentes e vire os cantos da boca para baixo, de modo que os tendões marquem o pescoço; abra a boca ligeiramente, para ativar os músculos da mandíbula e mova sua mandíbula de cima para baixo de cinco a dez vezes. Repita o exercício de cinco a dez vezes.