Lipoescultura é uma técnica de cirurgia plástica, que se destina a remover os depósitos de gordura que são normalmente encontrados nas nádegas, abdômen, pernas, braços e queixo.

A técnica envolve o uso de uma cânula, que absorve o excesso de gordura, para pessoas com menores índices de gordura, pode ser usada uma lipoaspiração sem necessidade de cirurgia.

Tanto na lipoescultura quanto na lipoaspiração é utilizada a anestesia, e a gordura é removida através de uma cânula, mas o problema é que a lipoaspiração tradicional deixa uma aba de pele de gordura muito espessa e pesada; enquanto na lipoescultura a gordura também é removida, deixando na superfície uma aba mais fina e leve que se retrai; com a lipoescultura corporal é alcançada uma maior remodelação do corpo do que com a lipoaspiração tradicional.

Com a lipoescultura é possível remover a gordura precisamente do lugar que deseja, conseguindo um novo perfil corporal; geralmente é utilizada para reduzir a gordura nas nádegas, para definir o contorno das pernas, abdômen, a acumulação excessiva de gordura nos quadris e na região do queixo.

Podemos distinguir vários tipos de lipoescultura:

Lipoescultura por Ultrassom

Introduzem-se cânulas dotadas de um emissor de ultrassons na extremidade terminal, as ondas ultrassônicas são enviadas para o tecido adiposo da mama, emitindo um comprimento de onda que pela vibração mecânica destrói e liquefaz o tecido adiposo, enquanto a cânula suga o material gorduroso destruído.

Vibrolipoescultura

É um tratamento menos traumático resultando em maior conforto para o paciente no pós-operatório e um curto período de convalescença.

Ele funciona com um motor pneumático que é operado com ar comprimido e produz um triplo movimento da cânula, reciprocamente, vibração e rotação, de modo que a ponta da cânula vai fazendo o desbridamento e emulsionando a gordura, ao mesmo tempo em que é aspirada por um lipoaspirador convencional.

Técnica WAL

O WAL – Water Assisted Lipoesculture – é uma nova forma de realizar a lipoaspiração, que explora a capacidade de destruição do tecido adiposo quando dentro da água é emitida alta pressão.