Estresse é uma resposta natural do corpo quando não descansa o suficiente ou se há mudanças no estilo ou ritmo de vida, ou quando há problemas em casa, escola ou trabalho.

Ele produz ansiedade e pode afetar qualquer faixa etária. Quando uma pessoa sofre de estresse há um maior risco de surgirem doenças menores, como frio ou tosse, porque o estado emocional reduz as defesas do organismo.

Causas

  • O ritmo de vida acelerado.
  • Passar a maior parte do tempo no trabalho e deixar de lado a recreação.
  • Mudanças no estilo de vida causadas pelo nascimento de uma criança, morte de um ente querido, divórcio ou perda do emprego.
  • Exposição a fontes de ruído.
  • Problemas na escola, no trabalho e em casa.
  • Descanso insuficiente.
  • O uso de drogas.

Sintomas

  • Ansiedade.
  • Frustração.
  • Irritabilidade.
  • Insônia.
  • Memória prejudicada.
  • Dor de cabeça e musculares.
  • Falta de apetite.
  • Fadiga.
  • Quando fumante o aumento do consumo.

Diagnóstico

    • Você pode determinar que uma pessoa está sob estresse, quando não desempenha eficientemente suas atividades diárias e perde o entusiasmo por elas.
    • O diagnóstico é feito com base nesses sinais, levando em consideração a história clínica do paciente, e algumas dicas de saúde devem ser levadas em consideração.

Prevenção

      • Enfrentar os problemas.
      • Relaxamento ajuda a combater e aliviar o estresse.
      • Realizar atividades físicas e exercícios de respiração aliviam o nervosismo.
      • Durma 6-8 horas por dia.
      • Organize as atividades a cada dia.
      • Vitaminas e suplementos nutricionais fortalecem o corpo e ajudam a combater o cansaço ou a fadiga.

Tratamento

    • Recomendamos chás de ervas e calmantes naturais para a controlar o nervosismo, ansiedade e irritabilidade.
    • Existem alguns medicamentos indicados para insônia, que não exigem receita médica.
    • A dor de cabeça e muscular pode ser aliviada com analgésico sem receita.
    • Você pode usar técnicas de relaxamento para reduzir a tensão muscular.
    • Estabelecer uma rotina de exercícios.
    • Tome um banho quente durante 30 minutos.
    • A música controla o nervosismo.
    • Se o estresse provoca um aumento do número de cigarros consumidos, você pode usar o rapé desabituantes que não exige receita médica.
    • Quando uma criança sofre de estresse, o melhor é tentar viver em um ambiente silencioso (sem ruído com música suave), tente induzi-lo a praticar esportes.
    • Às vezes, especialmente se o estresse é durável, é aconselhável a assistir a uma terapia psicológica ou psiquiátrica.