O monitoramento cardíaco é usado durante o exercício aeróbico para avaliar a intensidade de uma sessão de exercícios, se você está trabalhando o suficiente, então o seu ritmo cardíaco se eleva a um determinado nível. Durante qualquer programa de exercícios aeróbicos, você deve verificar a sua frequência cardíaca, e ser capaz de dizer se está no nível adequado.

A frequência cardíaca em repouso é o número de vezes que o coração bate por minuto em repouso. O melhor momento para verificar a sua frequência cardíaca de repouso é de manhã, quando você acordar; para as mulheres, a taxa média de repouso é entre 74 e 84 batimentos/min., para os homens é entre 72 e 78 batimentos/min.

Para verificar o pulso, coloque a mão no pulso da sua munheca, chamado de pulso radial. Com os dedos, não use o seu polegar. Para verificar o pulso da carótida, coloque os dedos na lateral do pomo de Adão no pescoço para encontrar o pulso. Verifique o pulso contando os batimentos por 10 segundos e multiplique esse número por seis para obter seus batimentos por minuto.

Para obter a sua frequência cardíaca de trabalho, você deve verificar o pulso depois de um exercício vigoroso, que durou por pelo menos cinco minutos; ainda realizando o movimento, verifique o pulso. Conte o seu pulso por seis segundos e adicione um zero, ou conte por dez segundos e multiplique por seis.

A sua frequência cardíaca de recuperação é velocidade em que o coração volta a bater normal após o exercício vigoroso. Conte o pulso um minuto após você parar de se exercitar e, em seguida, novamente a dois e cinco minutos.

Todos devem realizar exercício com uma frequência cardíaca adequada para obter os maiores benefícios cardiovasculares e para manter-se seguro. Esse ritmo cardíaco é chamado de frequência cardíaca de treinamento. A maioria dos especialistas recomenda fazer exercício entre 55% e 85% de sua frequência cardíaca máxima para o benefício máximo.

O caminho para encontrar sua frequência cardíaca alvo é fazer esta fórmula. Subtraia a sua idade de 220 e multiplique por 0,55, e multiplique o mesmo número por 0,85.

Exemplo:

220-30 (idade) = 190
190 x 0,55 = 104,5
190 x 0,85 = 161,5

A pessoa – de 30 anos – deve ter uma frequência cardíaca superior a 104,5 no exercício, para obter algum benefício cardiovascular, mas você nunca deve permitir que o seu ritmo cardíaco vá acima de 161,5 durante o exercício.