Quer realmente ganhar massa muscular? Então é hora de começar a buscar o que funciona melhor para o seu corpo, e não para o de outras pessoas.

O treinamento de musculação ou qualquer exercício de musculação deve ser adaptado ao seu corpo. O treinamento, claro, é muito diferente, dependendo da idade, peso, composição corporal, estado de saúde, genética, pontos fortes e fracos do seu físico e organismo…

Você precisa possuir a confiança necessária para deixar os exercícios que te recomendaram, mas que não estão funcionando. Dê uma oportunidade para a prática de diferentes métodos de treinamento e deixe de lado os que não estão dando resultados.

Isto que dizemos parece ser fácil de fazer, mas não é quando você já fixou uma rotina e está confortável com ela. Especialmente se o tempo que você tem para estar na academia é por motivos de trabalho ou outra ordem, limitado.

Aprenda a perder o medo, a mudar o treinamento e tentar coisas novas.

O que funciona para os outros pode funcionar muito mal para você, da mesma forma que algo que funciona bem para você, não o faz para os outros.

Um exemplo são as pessoas com pouca experiência que desejam chegar ao treinamento de atletas de elite em um curto espaço de tempo. O máximo que se consegue é uma lesão grave devido ao excesso de treinamento em um corpo que não está acostumado com isso, por mais suplementos que se esteja tomando.

A única maneira de encontrar o melhor treinamento é deixar de seguir as rotinas dos outros e começar a descobrir o que é melhor para você.

A experiência é necessária, ainda mais, imprescindível, para descobrir o que é melhor para você. E você não vai encontrar do dia para noite qual é o melhor exercício para você.

Apenas uma experiência de anos permitirá que você possa comprovar. Então, vá com muita calma e comece com o assessoramento de alguém que possa lhe dar um plano de acordo com seu físico e mentalidade.

Com o tempo, você conhecerá a si mesmo e poderá ter o seu próprio plano de treinamento, melhor do que alguém possa te recomendar.

Mude as variáveis (divisão dos exercícios de treinamento, frequência, volume, intensidade, periodicidade, etc.) e veja como o seu corpo responde as variações estabelecidas.

A genética desempenha um papel importante na obtenção de massa muscular, mas isso não é desculpa para os menos afortunados pela Mãe Natureza.

Ao entrar em sua academia dê um vistoso olhar para as pessoas que estão realizando algum tipo de treinamento. Você pode encontrar pessoas que parecem nunca ter levantado um peso na vida, e, no entanto têm alcançado um grande desenvolvimento do seu corpo.

Deixando de lado o uso de esteroides, algumas pessoas conseguem excelentes resultados de ganho de massa muscular, porque estão fazendo as coisas da maneira certa. Logicamente, se você pesa 62 quilos medindo 1,80 não vai se tornar um Schwarzenegger, mas você vai poder formar o seu corpo, inclusive desenvolvê-lo em todas as suas facetas, se você trabalhar duro.

A verdade é que existem muitas diferenças genéticas entre as pessoas. Mas não desanime se você não é um mutante que cresce inclusive fazendo exercícios aeróbicos.

Qualquer pessoa pode ficar mais forte, maior e mais definida com os métodos de treinamento adequados, mas para isso, primeiro tem que encontrar o que funciona para o seu corpo.

Para mais informações sobre academia, não deixe de ler nosso outro artigo “Erros Comuns Cometidos na Academia“.