A boca não é um bom lugar para colocar um piercing, pelo menos do ponto de vista da saúde. De acordo com uma revisão do American Journal of Clinical Dermatology, piercings na boca podem causar muitas lesões bucais após a colocação.

Riscos mais comuns do Piercing na Boca:

Inchaço, dor, dificuldade de fala, mastigação, paladar, sangramento, aumento da salivação, infecção e reações alérgicas ao material. O risco aumenta quando a perfuração é realizada na língua, onde existe um risco significativo de sangramento porque a área é rica em vasos sanguíneos.

Com o tempo, os ornamentos da língua e dos lábios também podem causar outros danos, como rachaduras, abrasões, descolorações, úlceras, crescimento excessivo de tecido cicatricial próximo ou, entre a gengiva e o dente. Também pode ser uma causa de halitose.

A perfuração pode causar retração e até mesmo danificar o osso que segura o dente. De acordo com um estudo publicado na revista Dental Traumatologia, pelo menos 35% das pessoas com ‘piercings’ na língua ou lábios apresentam recessão gengival (perda de gengiva bucal) que, se não for tratada, pode causar a queda do dente.

Especialistas salientam que a boca é uma importante fonte de infecção, onde as bactérias residem em milhões. A colocação de um piercing na boca ou língua aumenta o risco de halitose.