A astaxantina é o carotenoide que proporciona a cor vermelha ao salmão, camarão ou os flamingos. A astaxantina é produzida por diferentes tipos de algas, que são à base da alimentação do zooplâncton e krill, que por sua vez são os alimentos preferidos daqueles que armazenam o pigmento na pele e no tecido adiposo, sendo esta a razão da sua cor avermelhada.

A astaxantina não sofre desbotamento por isso a coloração avermelhada dos peixes e mariscos, assim ao cozinhar camarões ou lagostas estes continuam mantendo a cor avermelhada. Por ser um pigmento solúvel é incorporado nas membranas celulares.

A combinação das propriedades antioxidantes e propriedades anti-inflamatórias da astaxantina lhe permite abordar uma ampla gama de problemas de saúde. A astaxantina é o carotenoide antioxidante mais poderoso quando se trata da captação de radicais livres, inclusive acredita-se ser mais poderoso do que a vitamina C, mais potente do que o beta-caroteno e que a vitamina E.

Possui uma estrutura única, e trabalha em alguns aspectos muito singulares. Por exemplo, a maioria dos antioxidantes são esgotados após terem transferido os seus elétrons livres. No entanto, a astaxantina possui um enorme excesso, o que permite que permaneça “ativa” por muito mais tempo.

Também é possível manipular vários radicais livres ao mesmo tempo, em alguns casos mais de 19 simultaneamente. Isto se faz mediante a formação de uma nuvem de elétrons em torno da molécula. Isto é conhecido como o deslocamento de ressonância de elétrons. Quando os radicais livres tentam roubar elétrons da molécula de astaxantina, são simplesmente absorvidos e neutralizados por esta nuvem de elétrons, de uma só vez.

Leia também: “O Que São Antioxidantes e Radicais Livres?

A astaxantina também pode atravessar a barreira sangue-cérebro e a barreira sangue-retina, e proporcionar uma proteção antioxidante e anti-inflamatória no cérebro e nos olhos.

Principais Benefícios da Astaxantina

  • A astaxantina por ser um carotenoide é benéfica contra os efeitos nocivos da luz solar, protegendo os olhos da catarata, degeneração macular e cegueira.
  • A astaxantina ajuda a minimizar os danos celulares que originam os radicais livres que se formam mediante o exercício físico intenso ou que envolvam o oxigênio e os processos oxidativos. Os atletas que usam antioxidantes se recuperam antes e aumentam as suas defesas, já que melhoram o funcionamento do sistema imunológico.
  • A astaxantina protege os neurônios e pode retardar os efeitos da diminuição cognitiva relacionada com a idade, assim como diminuição das funções psicomotoras.
  • Ajuda a melhorar o fluxo sanguíneo, ajuda a reduzir a pressão arterial, o colesterol ruim e os triglicerídeos, razão pela qual favorece a saúde cardiovascular.
  • É um poderoso anti-inflamatório natural, favorece os processos de recuperação da artrite e da asma.