A diminuição do consumo de pão em 10% apenas no último ano se deve, em grande medida, pela falta de conhecimento sobre os benefícios nutricionais do produto e principalmente pela falta de orientação médica que erroneamente são dedicadas a estender a crença de que o pão engorda.

Alguns estudiosos se reunirão em Madrid para discutir que sem dúvida, o pão é o alimento que mais contribui para o equilíbrio nutricional, pois fornece uma porção significativa de carboidratos na dieta, além das fibras, minerais e vitaminas. Além disso, não podemos deixar de esclarecer que não é uma dieta rica em gorduras e açúcares, de modo que o próprio pão não engorda, pois além de fornecer a dieta bons hábitos de vida contribui para uma dieta saudável.

Muitos estudiosos explicam que de uma forma geral a dieta mediterrânea está perdendo, em grande parte, haja vista que o pão é um dos seus promotores, ou seja, um dos pilares, junto com o azeite. Os estudos ainda dizem que devemos tentar reverter esse processo dando maios atenção ao valor nutricional que se faz essencial em qualquer dieta.

Leia também: “Dieta Mediterrânea – O que é e Como Fazer a Dieta Mediterrânea“.

Os países que aumentaram o consumo de pão no contexto global, não são os países com maior taxa de obesidade, então acreditamos que é chegada à hora de defender a dieta mediterrânea e principalmente a inclusão do pão no dia a dia, em especial nas refeições primordiais como café da manhã.

Vários outros documentos feitos por professores de Bioquímica e Biologia Molecular de universidades renomadas ainda defendem a ideia de que o pão é um alimento essencial na dieta para as crianças, e tido em quantidades adequadas é essencial para a nossa saúde.

Além disso, o consumo de pão está associado com uma diminuição do risco de muitas doenças. A realidade científica mostra que o consumo em quantidades adequadas, incluindo pães, leva a diminuição do risco de doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer, como câncer de cólon e de mama.

Leia também: “Pão: É Bom ou Ruim? – Saiba Qual o Melhor Pão para Consumo“.

Seus benefícios são diversos, mas tudo deve ser consumido com muito bom senso. O pão é um alimento que não só traz benefícios como previne doenças, mas tudo deve ser ingerido moderadamente. Em especial para diabéticos não controlados onde a quantidade de carboidratos de uma forma geral deve ser moderada. Isso é devido ao fato do carboidrato ser metabolizado em nosso organismo e se transformar em açúcares que consequentemente irão cair na corrente sanguínea aumentando os níveis de glicose circulante.

Portanto, nada melhor do que uma recomendação exata em porções para cada indivíduo, um bom médico especialista ou um profissional nutricionista pode te indicar a quantidade exata de carboidrato em especial, de pão, que você deve ingerir.