O Que é Dengue?

Uma doença crônica, encontrada em áreas subtropicais (África, Ásia, Austrália, América Latina e Oceania), causada pelo vírus da dengue, a família flavovírus, como a febre amarela.

Causas

A infecção com T. Cruzei, que é transmitida através da picada de certos mosquitos (Aedes Egypti, o mesmo vetor da malária).
Este mosquito é urbano, a criação de armazenamento de água parada.

Sintomas

Pode variar.
Os sintomas mais comuns são:

Dengue:
É mais comum em crianças e visitantes.

• Dor de cabeça, grave, que piora com o movimento.

• Dor nas costas, especialmente na região lombar.

• Dor comum.

• Dor nos olhos e coceira.

• Febre alta.

• Inchaço dos gânglios linfáticos.

• Erupções variadas que, assim como pápulas máculas (manchas e inchaços), que são espalhadas.

• Às vezes, dois dias de distância, para reaparecer pouco depois.

• Febre hemorrágica.

• Ela ocorre em pacientes que haviam sofrido de dengue.

• Também de início abrupto, dores nos ossos é rara, principalmente dor de cabeça e abdominal.

• Febre alta.

• Poucos dias depois, o paciente torna-se apático.

• As manifestações do sangramento ocorrem em muitos tipos, dos capilares frágeis, sem sangramento, petéquias (pequenos pontos de poricidas capilares sanguíneos pelo sangramento debaixo da pele), a hemorragia digestiva e choque.

• Ela também aparece cianótica, azulado mãos, pés e lábios.

Dengue suave:

Semelhante à dengue, mas com predominância de dor de cabeça e muscular, com menor comprometimento geral.

Fatores de Risco

A exposição aos mosquitos em áreas endêmicas.

Prevenção

Use mangas compridas, loção repelente de mosquitos, telas mosquiteiras nas janelas e embebidas em inseticidas.
Está se estudando uma vacina para o controle da dengue produzida pelo vírus tipo 2.
O controle da doença é realizado através do controle do mosquito.

Diagnóstico e Tratamento

Diagnóstico:
História e exame pelo médico.
O diagnóstico é feito através da comparação do hemaglutinante, poder de fixação de complemento ou soros de dois separados em quatro semanas.
Outras técnicas mais refinadas são reservadas para o estudo epidemiológico de surtos.
Você pode precisar de exames de sangue para prever complicações.

Tratamento

Dengue tratamento é apenas sintomático.
A forma hemorrágica normalmente requer internação hospitalar.

Medidas gerais:
Durante o período de doença, descanso tranquilo.

Medicação:
Você pode tomar analgésicos como o paracetamol.
O médico pode prescrever analgésicos mais fortes, se necessário.
A aspirina é contra-indicada na forma hemorrágica.

Atividade:
Durante toda a duração da dor e febre, o descanso, então, gradualmente, voltar à atividade normal.

Dieta:
Você só precisa tomar cuidado com a hidratação.

Informe o seu médico se:
Obtém manchas escuras nos braços ou nas pernas.

Possíveis Complicações

Somente na forma hemorrágica, esta pode evoluir para choque hipovolêmico (para o sangramento), com falência de múltiplos órgãos (rim, fígado,…), circulatório.

Prognóstico

A mortalidade da dengue clássica é zero.

A forma hemorrágica é grave, variando de mortalidade, choque circulatório ou sangramento, entre 1 e 23%.