A gota é um tipo de artrite que causa inflamação e dor nas articulações, geralmente no dedão do pé, mas pode afetar outras partes do corpo. Ela é causada pela acumulação de cristais de ácido úrico nas articulações afetadas, sendo mais comum em homens com idade entre 30 a 60 anos e pessoas mais velhas.

Leia também: “Ácido Úrico – Como é Formado, Prevenir e Sintomas do Ácido Úrico“.

Os sintomas de gota na articulação afetada envolvem a inflamação e dor severa ao redor da área, e pele vermelha e brilhante; também pode ocorrer febre leve e, se o processo é repetido ao longo dos anos, podem existir tofos, que são nódulos firmes, feitos de cristais de ácido úrico.

Os tofos podem conduzir ao sofrimento diversos problemas, tais como a inflamação ou a ruptura, que faz com que escorra para o exterior, uma substância branca e pastosa, de causa não bacteriana.

O tratamento para reduzir a gota consiste em levantar a articulação com cuidado, sem realizar grandes esforços, aplicar gelo para reduzir a inflamação e beber bastante água de mineralização fraca, e controlar a obesidade.

Para tratar a dor e a inflamação, o médico pode receitar medicamentos anti-inflamatórios não esteroides ou podem ser esteroides para as articulações maiores, dependendo do caso e da avaliação médica.

Também é muito importante seguir uma dieta baixa em purinas, evitando alimentos como carne vermelha, vísceras, peixes oleosos, frutos do mar, caldos concentrados, levedura de cerveja, levedura de padeiro e álcool.

Aconselha-se o consumo moderado de carnes brancas e de caça, peixe branco, legumes, cereais integrais ou com germe, couve, aspargos e espinafre, assim como cogumelos.

Leia também: “Alimentos Para Combater a Gota“.

Os alimentos permitidos são ovos, leite, azeite de oliva virgem, grão de bico, cereais sem germe e refinados, legumes e hortaliças, frutas, nozes e bebidas, como café, chá, chocolate e gelatinas, e, especialmente, água em quantidade suficiente.