O que é cloranfenicol?

Cloranfenicol pertence à família de medicamentos chamados antibióticos. Cloranfenicol é usado para tratar infecções do canal auditivo. Este medicamento pode ser usado sozinho ou com outros medicamentos de aplicação oral usados para infecções do canal auditivo.

Se alguma das informações e dicas contidas neste artigo de saúde lhe causarem uma preocupação especial ou quiser mais informações sobre o seu medicamento e sua utilização, consulte o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico. Lembre-se de manter este e todos os outros medicamentos fora do alcance das crianças e nunca compartilhe seus medicamentos com os outros.

Informações importantes:

Informe o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico se. . .

  • é alérgico a algum medicamento, prescrito ou não;
  • estiver grávida ou se planeja engravidar durante o uso deste medicamento;
  • estiver amamentando;
  • está tomando qualquer outro medicamento prescrito ou não, especialmente alfentanil, clorpropamida, ácido fólico, preparações de ferro, agentes mielossupressona, fenobarbital, fenitoína, rifampicina, tolbutamida, varfarina ou vitamina B12;
  • possui algum outro problema médico.

Modo de usar:

Deite-se ou incline a cabeça com o ouvido afetado voltado para cima. Delicadamente, puxe o lóbulo da orelha para cima e para trás (para trás e para baixo para crianças) para endireitar o canal auditivo. Aplique o medicamento no canal auditivo. Mantenha a orelha apontada para cima por 1 ou 2 minutos para permitir que o medicamento entre em contato com a infecção. Você pode inserir gentilmente um tampão de algodão estéril na abertura da orelha para evitar que o medicamento saia.

Para manter o medicamento livre de germes o máximo possível, não deixe o conta-gotas tocar qualquer superfície (incluindo a orelha), e mantenha o recipiente hermeticamente fechado.

Para ajudar a curar completamente sua infecção, a utilização deste medicamento deve ser completa durante todo o tempo do tratamento. Se parar de utilizar este medicamento demasiadamente cedo, os sintomas podem voltar. Não perca nenhuma dose.

Se você esquecer uma dose deste medicamento, aplicá-lo logo que possível. No entanto, se estiver quase na hora da dose seguinte, pule a dose esquecida e retome ao seu esquema posológico regular. Nada de doses duplas.

Para guardar este medicamento:

Mantenha este medicamento fora do alcance das crianças. Armazene longe do calor e da luz direta. Evite congelar esta medicação. Não guarde medicamentos cujo prazo de validade tenha expirado.

Precauções:

Se os sintomas não melhorarem dentro de alguns dias ou se agravarem, consulte o seu médico.

Efeitos Colaterais:

Os efeitos colaterais que devem ser comunicados imediatamente ao seu médico:

Raros: pele azulada, modificações na pressão sanguínea ou freqüência cardíaca, dificuldade para comer, febre ou dor de garganta, respiração irregular, pele pálida, fezes moles e verde, distensão do estômago com ou sem vômitos, hemorragias ou hematomas, cansaço ou fraqueza.

Os efeitos secundários listados acima também podem ocorrer semanas ou meses depois de parar o medicamento.

Outros efeitos colaterais que devem ser comunicados ao seu médico:

Menos comuns: gosto ruim na boca, cegueira ou alterações na visão, ardor, coceira, vermelhidão, erupções cutâneas, inchaço ou outros sinais de irritação não presente na pele antes de tomar este medicamento, diarreia, alucinações, dor de cabeça, confusão mental, depressão leve, náusea, dor de estômago, inchaço na boca ou língua.

Outros efeitos secundários não mencionados acima podem também ocorrer em alguns doentes. Se notar qualquer outro efeito, verifique com seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.