O que é dinoprostona?

Dinoprostona atua causando a dilatação do colo do útero (expansão) e do útero para contrair (apertar) na forma como você faria durante o trabalho de parto. Dinoprostona também pode ser utilizado para outros fins, determinados pelo seu médico.

Se alguma das informações e dicas contidas neste artigo de saúde lhe causarem uma preocupação especial ou quiser mais informações sobre o seu medicamento e sua utilização, consulte o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.

Informações importantes:

Informe o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico se. . .

  • é alérgico a algum medicamento, prescrito ou não;
  • estiver grávida ou se planeja engravidar durante o uso deste medicamento;
  • estiver amamentando;
  • está tomando qualquer outro medicamento prescrito ou não;
  • possui algum outro problema médico (ou a histórico de) asma, doença do coração ou dos vasos sanguíneos, doença renal, doença hepática ou se tem uma doença pulmonar.

Efeitos Colaterais:

Os efeitos colaterais que devem ser comunicados imediatamente ao seu médico:

Menos comuns ou raros: urticária, aumento da dor no útero, pele pálida, fria ou manchada nos braços ou nas pernas, sensação de pressão ou dor no peito, falta de ar, inchaço dos ductos nasais, face ou das pálpebras, sensação de aperto no peito, respiração difícil, pulso fraco.

Os efeitos colaterais que geralmente não requerem atenção médica:

Estes efeitos secundários podem desaparecer após a interrupção da medicação, mas se eles continuam ou são incômodos, verifique com seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.

Mais comuns: dor abdominal ou dores de estômago, diarreia, febre náuseas, vômitos.

Menos comuns ou raros: dor de cabeça ou calafrios, obstipação, rubor, inchaço do estômago, vulva sensível ou abdômen um pouco inflado.

Depois de concluir este procedimento, dinoprostona ainda pode causar alguns efeitos colaterais que necessitam de atenção médica. Consulte o seu médico se algum dos seguintes efeitos secundários ocorrerem: calafrios e tremores (contínuo), febre (contínua), corrimento vaginal fétido, dor no abdômen inferior, aumento do sangramento uterino anormal.

Outros efeitos secundários não mencionados acima podem também ocorrer em alguns doentes. Se notar qualquer outro efeito, verifique com seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.