O que é Fludrocortisona?

Fludrocortisona é um corticosteróide (remédio do tipo cortisona). Pertence à família dos remédios chamados esteroides. Se o seu organismo não produz o suficiente de corticosteróide, seu médico irá receitar este medicamento para ajudar a recuperar a diferença. Fludrocortisona pode também ser usado para tratar outras condições médicas, conforme determinada pelo seu médico.

Se alguma das informações e dicas contidas neste artigo de saúde lhe causarem uma preocupação especial ou quiser mais informações sobre o seu medicamento e sua utilização, consulte o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico. Lembre-se de manter este e todos os outros medicamentos fora do alcance das crianças e nunca compartilhe seus medicamentos com os outros.

Informações importantes:

Informe o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico se. . .

  • é alérgico a algum medicamento, prescrito ou não;
  • estiver grávida ou se planeja engravidar durante o uso deste medicamento;
  • estiver amamentando;
  • está tomando qualquer outro medicamento prescrito ou não;
  • possui algum outro problema médico, especialmente doença cardíaca, pressão arterial alta ou doença renal.

Posologia

Tome este medicamento somente como prescrito por seu médico. Não tome nem mais e nem menos do que indicado. Fazer isso pode aumentar a probabilidade de efeitos colaterais.

Se você esquecer uma dose deste medicamento, tome-a logo que possível. No entanto, se estiver quase na hora da dose seguinte, pule a dose esquecida e retome seu esquema posológico regular. Nada de doses duplas.

Para guardar este medicamento:

Mantenha fora do alcance das crianças. Armazene longe do calor e da luz direta. Não armazene no banheiro, perto da pia da cozinha, ou em outros lugares úmidos. Calor ou umidade podem comprometer o medicamento. Não guarde medicamentos vencidos.

Precauções

Seu médico deve verificar o seu progresso em visitas regulares para assegurar que o medicamento não lhe causa efeitos indesejáveis.

Enquanto estiver tomando este medicamento, tome cuidado e limite a quantidade de álcool que você bebe.

Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais que devem ser comunicados imediatamente ao seu médico:

Menos comuns ou raros: tosse, erupção cutânea, respiração irregular ou falta de ar, batimentos cardíacos irregulares, coceira ou vermelhidão da pele, vermelhidão ocular, inchaço das vias nasais, face, pálpebras, as veias do pescoço inchadas; dificuldade deglutição, fraqueza ou cansaço.

Outros efeitos colaterais que devem ser comunicados ao seu médico:

Menos comuns ou raros: tonturas, dor de cabeça (grave ou contínua), perda de apetite, cólicas ou dores musculares, náuseas, inchaço dos pés ou pernas, fraqueza nos braços, pernas ou tronco (grave), ganho de peso (rápido), vômitos.

Outros efeitos secundários não mencionados acima podem também ocorrer em alguns doentes. Se notar qualquer outro efeito, verifique com seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.