Oque é Infliximab?
Infliximab é usado para tratar a doença de Crohn em pacientes que não melhoraram com outras drogas e em pacientes afetados por um tipo de doença de Crohn que provoca a formação de fístulas. Este medicamento é usado para tratar a artrite reumatoide.

Se alguma das informações e dicas contidas neste artigo de saúde lhe causa preocupação especial ou quiser mais informações sobre a sua medicação e usá-lo, consulte o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico. Lembre-se de manter este e todos os outros medicamentos fora do alcance das crianças e nunca compartilhar seus medicamentos com os outros.

Informações importantes:

Informe o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico se. . .

  • é alérgico a algum medicamento, prescrito ou não;
  • estiver grávida ou se planeja engravidar durante o uso deste medicamento;
  • estiver amamentando;
  • está tomando qualquer outro medicamento prescrito ou não;
  • tiver outros problemas médicos.

Para guardar este medicamento:

Mantenha este medicamento fora do alcance das crianças. Armazene longe do calor e da luz direta. Não armazene no banheiro, perto da pia da cozinha, ou em outros lugares úmidos. Calor ou umidade podem alterar o medicamento. Conserve na geladeira, mas evite o congelamento do medicamento. Não guarde medicamentos cujo prazo de validade tenha expirado ou a medicina não mais necessários. Certifique-se de que está descartado qualquer medicamento fora do alcance das crianças.

PRECAUÇÕES
Infliximab pode causar dor no peito, febre, calafrios, prurido, urticária, rubor na face ou dificuldade para respirar, na hora do recebimento. Se você tiver algum dos sintomas acima, contate seu médico imediatamente.

EFEITOS COLATERAIS
Os efeitos colaterais que devem ser comunicados imediatamente ao seu médico:

Mais comum – dor torácica, calafrios, febre, rubor da face, urticária, prurido, dificuldade respiratória.

Os efeitos colaterais que devem ser comunicados ao seu médico:

Mais comum – dor abdominal, tosse, tonturas, desmaios, dor de cabeça, dor muscular, congestão nasal, náuseas, corrimento nasal, falta de ar, espirros, dor de garganta, sensação de aperto no peito, fadiga ou fraqueza, vômitos, respiração ofegante.

Menos comum – dores nas costas, urina turva ou com sangue; fissuras na pele nos cantos da boca, diarreia, dificuldade ou dor ao urinar, micção frequente, alta ou baixa pressão arterial, dor, ou sensibilidade ao redor os olhos e maçãs do rosto, manchas na pele, dor ou irritação da boca ou língua, dor ou vermelhidão ao redor das unhas e pés, ardor, coceira ou corrimento vaginal, manchas brancas na boca ou língua.

Raro – abscesso (área vermelha, inchada e macia contendo pus), dor nas costas ou laterais, fezes pretas, sangue na urina ou fezes, dor nos ossos ou articulações, constipação, queda; sensação de saciedade, sensação geral de doença, hérnia (protuberância de tecido saliente da parede do abdômen), infecção, ou batimentos cardíacos irregulares, dor no reto;dor que se estende do abdômen para o ombro esquerdo, pequenas manchas vermelhas na pele, dor de estômago (grave) ou dolorosas glândulas inchadas, uma lesão no tendão, hemorragias ou hematomas, perda de peso (raro); olhos e pele amarela.