O que é Metformina?
A metformina é uma das drogas mais populares no mundo. Usado por décadas no tratamento de Diabetes Mellitus II.

Foi aprovado na Europa no final dos anos 80 e anos mais tarde nos E.U.A.

As diretrizes internacionais para a gestão desta condição, recomendam seu uso como primeira escolha no tratamento de pacientes com diabetes tipo 2.

A metformina pertence aos medicamentos chamados biguanidas, genericamente vendidos com diferentes marcas. Embora não seja uma cura para diabetes, ajudar a controlá-lo em combinação com uma dieta saudável e um programa de exercícios adequado.

Metformina faz com que o pâncreas venha produzir mais insulina e os níveis de fígado a produzir menos glicose para um melhor funcionamento do corpo.

Este medicamento oral é usado sozinho ou com outros medicamentos. É também conhecida pelos nomes de Glucophage, Gliformin e Diformin.

Este medicamento é também utilizado para tratar outras condições, tais como a síndrome dos ovários policísticos.Tem um efeito benéfico em pacientes obesos e reduz o risco de doença cardiovascular em pacientes com doença arterial coronariana comprovada.

A metformina estimula a ovulação, as mulheres perto da menopausa, podem engravidar enquanto estiver tomando esta medicação. Também pode reduzir a eficácia das pílulas anticoncepcionais e reduzir a absorção de vitamina B12.

Informações importantes:

Informe o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico se. . .

  • é alérgico a algum medicamento, prescrito ou não;
  • estiver grávida ou se planeja engravidar durante o uso deste medicamento;
  • estiver amamentando;
  • está tomando qualquer outro medicamento prescrito ou não;
  • tiver outros problemas médicos, especialmente se você é alérgico a qualquer medicamento, se você tem anemia, retenção de líquidos, insuficiência cardíaca, problemas nos rins, fígado, tireoide ou hipófise.

Posologia
Para reduzir ou manter baixo o nível de açúcar no sangue, você deve usar o medicamento mesmo que se sinta bem. Seguindo o conselho de seu médico sobre a dosagem e a frequência com que você deve tomar.

Lembre-se que se o açúcar não for controlado, pode causar problemas no coração, vasos sanguíneos, olhos e rins.

Para que o medicamento tenha efeito adequado, siga cuidadosamente o plano de refeições como o seu médico lhe disser e se exercite regularmente, realize exames de sangue e urina para verificar o nível de açúcar no sangue.

Se você esquecer uma dose tente tomá-la o mais rapidamente possível. Se está quase na hora da dose seguinte, pule-a e volte ao seu esquema posológico regular. Não tome doses duplas.

Mantenha o medicamento fora do alcance das crianças, em um lugar longe do calor e da luz direta. Não refrigerar ou congelar.

Precauções
Não tome outros medicamentos sem primeiro falar com o seu médico, mesmo aqueles vendidos sem receita médica. Você deve evitar beber álcool até que você tenha consultado o seu médico.

A metformina pode se acumular e causar acidose láctica no sangue (ácida), mas é uma complicação rara e geralmente é mais comum em pessoas com problemas renais.

Metformina também pode provocar a baixa de açúcar no sangue (hipoglicemia).

Efeitos colaterais
Se notar algum dos seguintes efeitos secundários, consulte o seu médico imediatamente: acidose láctica rápida e severa, incluindo diarreia, respiração rápida, dores ou cãibras musculares, sonolência, fraqueza ou cansaço.

Você também deve dizer se você tem baixo açúcar no sangue, incluindo a sensação de ansiedade, visão turva, suores frios, pele fria e pálida, dificuldade de concentração, sonolência, fome excessiva, batimento cardíaco rápido, dor de cabeça , náuseas, nervosismo, pesadelos, sono agitado, tremores, fala arrastada.

Existem alguns efeitos colaterais que geralmente não requerem atenção médica e geralmente desaparecem durante o tratamento conforme o seu corpo se ajusta ao medicamento, como perda de apetite, gosto metálico na boca, dor de estômago, vômitos e perda de peso.