Alguns fatores determinam o aumento de peso de massa muscular, tais como idade, genética, etnia e tipo de corpo, e não estão sob o seu controle.

É possível controlar o exercício e a nutrição, os quais devem ser utilizados de uma maneira específica para desenvolver o músculo. Se o que você está fazendo não está funcionando, então você precisa repensar o seu plano de ação. Com o seu programa de nutrição, aumentar o peso significa consumir mais calorias provenientes de carboidratos em primeiro lugar, das proteínas e das gorduras poli e insaturadas nesta ordem.

Para a maioria das pessoas, isso é relativamente fácil: comer tanto e tão frequentemente quanto possível. Quando se trata do seu programa de exercícios, faça uma aproximação, como se fosse um experimento científico, avalie todos os ingredientes: a quantidade de peso, o número de repetições e séries, a seleção de exercícios, os intervalos de descanso, o tempo de treinamento, os períodos de recuperação, e assim por diante. Uma das coisas que os treinadores principiantes tendem a esquecer de que você tem mais probabilidades de ganhar massa muscular, se desenvolver músculos grandes, como as coxas, costas e peito. Dar voltas ao redor da academia treinando os bíceps por uma hora é pouco provável que influencie sobre o peso corporal e aumento geral da massa muscular. Aqui estão algumas sugestões simples de treinamento para aumentar a formação de massa muscular.

Regras Básicas Para Aumentar a Massa Muscular

  • Realize três ou quatro treinamentos por semana.
  • Complete o seu treino em menos de uma hora.
  • Escolha os exercícios de força, como agachamento, supino e levantamento terra.
  • Levante tanto peso quanto possível em pelo menos uma série de cada exercício.
  • Mantenha-se afastado do treinamento cardiovascular.
  • Durma pelo menos oito horas por dia.
  • Use a suplementação esportiva adequada para o aumento de massa muscular como creatina, glutamina, BCAA, batidos de aumento de peso, etc.