A vitamina D é necessária para a manutenção da saúde de dos ossos. Podemos encontrá-la de duas formas: através dos raios solares ou de fontes animais.

Por tanto, a exposição solar sobre a pele é uma fonte natural de vitamina D. Quanto aos alimentos, esta vitamina é muito difícil de ser encontra em forma natural, citamos uma lista de alimentos que a possuem:

  • Leite, iogurtes, margarinas, massas, cereais, bolos e pães são fortificados com vitamina D. Isto significa que eles são artificialmente feitos com vitamina D.
  • O óleo de diferentes peixes: peixe-gato, salmão grelhado, cozido, assado, sardinhas enlatadas em óleo, conservas de atum, enguia cozida. No entanto, em alguns casos, a vitamina D é extraída dos óleos de peixe vendidos. Para descobrir isso, recomendamos que você verifique quais são os ingredientes que vêm na lata antes de comprar.
  • Podemos encontrar a vitamina D, em verduras de folhas escuras ou em menor extensão em alimentos de origem animal, tais como ovo, fígado bovino, cogumelos que foram expostos ao sol, os óleos de fígado de peixe (tais como óleo de fígado de bacalhau).

Em geral, é difícil encontrar este tipo de vitamina. No entanto, deve se manter cautela em seu consumo. Um excesso deste tipo de vitamina pode ser prejudicial para o coração, pulmões e rins.

Na ação da vitamina D no corpo cabe-se destacar a absorção de cálcio e fósforo.

Portanto, a vitamina D é necessária para a manutenção de dentes e ossos saudáveis​​. Junto com o hormônio da paratireoide, que ajuda a manter níveis adequados de fósforo e cálcio na circulação sanguínea.