A mononucleose infecciosa, também conhecida como a doença do beijo ou febre glandular, é geralmente causada pelo vírus de Epstein-Barr (EBV).

A doença é transmitida através da inalação de gotículas de saliva que uma pessoa infectada espalha ao tossir ou espirrar.

Ela também pode ser transmitida pelo beijo ou por compartilhar alimentos ou utensílios (talheres ou copos) que um paciente tenha levado antes na boca.

É importante notar que o tempo de incubação da mononucleose é longo, já que uma vez que ocupa as células da orofaringe (boca e garganta) pode permanecer de 30 a 45 dias, sem apresentar qualquer sintoma da doença. Por isso, é difícil determinar quem ou onde a infecção começou.

Esta doença pode ser diagnosticada através de uma análise de sangue, em que a pessoa com mononucleose terá quantidades anormalmente elevadas de linfócitos com apenas um núcleo.

Os sintomas mais comuns da mononucleose são:

  • Febre (38,5°C), que pode durar cerca de 10 dias.
  • Dor de garganta a qual se apresenta vermelha, com exsudato branco-acinzentado; muito dolorosa, que pode ser confundida com placas de pus nas amígdalas.
  • Gânglios inchados no pescoço, na nuca ou atrás das orelhas.
  • Inflamação do baço que pode vir acompanhada por um aumento do seu tamanho.
  • Dor de cabeça.
  • Dor muscular.
  • Cansaço.
  • Falta de apetite.

A mononucleose afeta, com maior frequência, as crianças a partir dos 10 anos e adolescentes (estão mais expostos os que possuem um sistema imunitário enfraquecido por alguma doença crônica grave ou por ter sofrido antes de outra enfermidade.).

São poucos os casos que se apresentam na idade adulta, já que 95% desenvolvem anticorpos contra essa doença.

Remédios Populares

  • Misture 1/2 colher de chá de sal ou bicarbonato de sódio em um copo de água morna, e faça gargarejos várias vezes ao dia para aliviar a dor de garganta.
  • Tome uma colher de sopa de própolis de abelha ao dia para reforçar o sistema imunológico.
  • Despeje em um copo de água que está fervendo 1 colher de sopa de flores de sabugueiro. Cubra e deixe esfriar um pouco. Tome uma xícara de chá dessa infusão ainda quente para febre.
  • Ferva por 5 minutos, 1 xícara de água contendo duas colheres de sopa de milefólio. Retire do fogo e deixe esfriar. Tome um copo deste chá para reduzir a febre.

Recomendações

Repouso na cama durante a febre ou quando os sintomas são mais intensos, e depois permaneça descansando em casa por cerca de 4 semanas.

Beba líquidos em abundância (água, sucos, batidos, sopas…) para evitar a desidratação.

Adote uma dieta rica em proteínas e pobre em gordura, com suplementos vitamínicos.

Nunca dê aspirina a crianças com infecções virais como a mononucleose, já que pode causar a síndrome de Reye com significativas complicações neurológicas.

Evite praticar esportes violentos ou qualquer atividade extenuante, já que quando uma pessoa tem mononucleose, o baço geralmente aumenta de tamanho temporariamente, e se desloca da sua posição normal, para trás das costelas. Por isso, quando se realiza um esporte brusco, como, por exemplo, hóquei na grama, esqui e qualquer outra atividade ou esforço forte, corre-se o risco de sofrer uma ruptura do baço.

Procure atendimento médico se você apresenta:

  • Uma dor intensa no abdômen superior esquerdo, o que pode indicar uma ruptura do baço que exige uma cirurgia de emergência para remover o órgão.
  • Amígdalas inchadas, a ponto de causar desconforto respiratório.
  • Problemas de coagulação.
  • Anemia hemolítica (diminuição do número de glóbulos vermelhos).
  • Inflamação dos nervos faciais que podem temporariamente paralisar os músculos da face (paralisia de Bell).