As calêndulas são plantas que pertencem à família Compositae, que crescem naturalmente nos pomares e campos.

Florescem quase continuamente ao longo do ano; a isso se refere o nome científico (Calenda).

Suas flores vão desde o amarelo claro até uma viva cor alaranjada.

Propriedades Curativas da Calêndula

A calêndula tem sido considerada uma planta medicinal desde os tempos antigos.

Sua fama aumentou ainda mais durante a Idade Média, quando grandes figuras da medicina como Alberto Magno e Santa Hiidegarda prescreviam o seu uso para várias doenças, especialmente do fígado, estômago e para picadas de insetos.

Atualmente, distingue-se especialmente por suas virtudes anti-inflamatórias, antiespasmódicas, anti-sépticas e depurativas.

Também tem um efeito benéfico sobre o fígado e a vesícula biliar, o qual foi comprovada cientificamente.

A calêndula também exerce a sua ação terapêutica sobre o sistema reprodutor feminino, já que provoca a menstruação atrasada, regula o ciclo, reduz os períodos muito abundantes e os efeitos colaterais da menstruação como dor abdominal, insônia, ansiedade, depressão, etc.

Recentemente lhe foram atribuídos efeitos anticancerígenos, especialmente se for aplicada em pomada sobre os tumores da pele.

Para uso externo tem propriedades cicatrizantes, emolientes e anti-sépticas, por isso, é altamente recomendável a sua aplicação sobre feridas, eczemas, hematomas, calos, verrugas, impetigo, úlceras, inflamações cutâneas e como colírio, em casos de conjuntivite. Também ajuda a conservar a beleza natural daí o seu uso em máscaras caseiras.

Também cicatriza as úlceras de estômago e duodenais, e é eficaz em casos de gastrite e gastroenterite. O seu efeito terapêutico parece ser mais evidente quando está associada com a urtiga.

Remédios Populares com Calêndula

  • Remédio (interno) com calêndula para cicatrizar feridas, chagas e eczemas na pele: Prepare uma infusão de 1 colher de sopa de flores de calêndula por copo de água. Tome 3 a 4 xícaras por dia.
  • Remédio com calêndula para problemas menstruais: realize uma cura de calêndula uma semana antes da regra a qual ajudará a superar o período sem dificuldade. Para isto, deve-se macerar durante 15 dias 100 gramas de flores de calêndula em 500 gramas de bagaço. Tome 20 gotas em água três vezes ao dia.
  • Remédio com calêndula para úlceras duodenais: coloque 1 colher de chá de confrei e outra de calêndula em 1 litro de água fervente, cozidas a fogo baixo durante 5 minutos e em seguida deixe repousar por 40 minutos. Tome 2 xícaras diariamente deste cozimento.
  • Remédio com calêndula para a colite intestinal: despeje em 1 e ½ litro de água que está fervendo 1 colher de sopa de raiz de dente de leão, outra de erva-cidreira, outra de calêndula e outra de raiz de erva-doce. Deixe repousar durante 1 hora. Tome 2 xícaras por dia.
  • Remédio com calêndula para varizes: pique finamente dois punhados de folhas, flores e talos de calêndula fresca. Em seguida, em uma frigideira grande em fogo baixo, derreta banha suficiente para obter aproximadamente 2 ½ xícaras de gordura, a qual acrescentará a calêndula picada. Mexa a mistura com uma colher de pau por alguns minutos e retire, em seguida, do fogo. Tampe a panela e deixe descansar por um dia. No dia seguinte, aqueça novamente a panela, despeje o conteúdo através de um pano e guarde em frascos limpos hermeticamente fechados. Espalhe o creme em abundância sobre a área afetada sempre que necessário.