A cólera é uma doença intestinal aguda e grave causada por uma bactéria chamada “Vibrio cholerae” e cujo período de incubação é de aproximadamente de 3 dias.

O seu contágio pode se dar mediante a ingestão de água contaminada pela bactéria, a qual prolifera quando supera os 20 graus Celsius e existem condições sanitárias precárias.

Também pode ser contraída através do consumo de alimentos contaminados, como leite ou pelo consumo de animais marinhos crus ou mal cozidos, especialmente os crustáceos e os moluscos e, em menor grau, mediante as mãos sujas ou moscas. A pessoa com cólera desenvolve uma série de sintomas, incluindo:

  • Dor abdominal.
  • Diarreia profusa e perene.
  • Apatia e decaimento.
  • Cãibras musculares.
  • Frieza corporal.
  • Vômito.
  • Desidratação (se a pessoa não for tratada).

É importante observar que o verdadeiro perigo da cólera reside na desidratação rápida, acidose e que pode produzir um colapso circulatório se a pessoa não for tratada a tempo.

Outro ponto de interesse é o fato de que esta bactéria sobrevive na superfície de todos os alimentos, durante uma semana aproximadamente, e pode afetar as pessoas de qualquer idade.

Devido ao fato de que pode ser confundida com a diarreia crônica, é necessário realizar um diagnóstico que confirme mediante o cultivo de vibriões coléricos nas fezes ou vômitos ou pela demonstração de um aumento significativo do título de anticorpos específicos em pares de soros obtidos em fase aguda e na convalescença.

Remédios caseiros para cólera

Aqui estão alguns remédios que podem ser aplicadas até receber o tratamento médico:

  • Ferva dois litros de água até reduzir para 1 litro, coe e despeje sobre 100 gramas de folhas de malva e 30 gramas de centáurea menor. Cubra e deixe em infusão por 20 minutos, coe e distribua ao longo do dia. Este remédio combate qualquer inflamação ou irritação e serve para recuperar o organismo.
  • Ferva durante 10 minutos 1 litro de água, coe e despeje em 50 gramas de folhas frescas de brotos frescos de urtiga menor e 5 gramas de raiz de bistorta. Tome ao longo do dia. Este remédio seca os tecidos e as mucosas e fornece uma fonte natural de ferro a nível intestinal.
  • Ferva durante 10 minutos 50 gramas de bagas de mirtilo e 40 gramas de haste de ouro em 1 litro de água. Passado esse tempo, retire do fogo, tampe e deixe esfriar. Tome ao longo do dia. Este remédio é ideal para combater a diarreia causada pela cólera.
  • Ferva, durante 10 minutos, 40 gramas de bagas de mirtilo e 40 gramas de salicaria em 1 litro de água. Coe e beba ao longo do dia. Este remédio ajuda a aliviar as doenças infecciosas do intestino.
  • Lave e extraia o suco de 2 limões e adicione-o, juntamente com uma colher de açúcar e outra de sal, em 1 litro de água. Tome ao longo do dia.

Recomendações para pessoas com cólera

• Ferva (por pelo menos 10 minutos depois de começar a ebulição) toda a água para beber, cozinhar ou lavar pratos e recipientes de alimentos, especialmente durante os surtos de cólera, a menos que a água do abastecimento tenha sido devidamente tratada, por exemplo, mediante a cloração, e protegida contra a contaminação posterior.

• Consumir apenas leite e produtos lácteos submetidos a processos de ebulição ou pasteurização.

• Lave muito bem as verduras, os legumes e as frutas, e evite o consumo de alimentos crus.

&bulll; Evite que os alimentos já cozidos entrem em contato com outros crus, para que não se contaminem e causem danos.

• Faça a lavagem especialmente das mãos antes de comer e depois de defecar.

• Procure a destruição das moscas e o controle dos seus criadouros e proteção dos alimentos com telas metálicas para evitar a contaminação pelas moscas.

• Procure um médico depois de detectar a doença para receber tratamento imediato de líquidos com volumes suficientes de soluções eletrolíticas para remediar a desidratação.