No mercado existem cada vez mais e mais formas e métodos anticoncepcionais que tentam melhorar a vidas das mulheres.

Um deles é o adesivo contraceptivo. É um método de utilização semanal que se aplica diretamente à pele limpa e seca.

Tem uma eficiência de 99% e, ao contrário da pílula, a sua eficácia não é reduzida no caso de vômitos e diarreia.

É recomendável que você visite o seu médico ginecologista antes de receber esse tipo de tratamento contraceptivo, ou usar qualquer outro método contraceptivo.

Quando e como usar pela primeira vez o Adesivo Contraceptivo?

Você deve usar o adesivo pela primeira vez no primeiro dia de menstruação. Se usar o adesivo contraceptivo alguns dias mais tarde, você deve usar junto um outro método contraceptivo (como preservativos) durante uma semana, para evitar a gravidez.

Como Funciona o Adesivo Contraceptivo?

O adesivo contraceptivo funciona soltando na pele um fluxo contínuo de progesterona e estrogênio, os mesmos hormônios que a pílula.

Este tipo de adesivo tem efeito durante uma semana completa, assim devemos usar três adesivos ao longo do mês.

A quarta semana será dedicada ao descanso, momento em que não se deve aplicar o adesivo e deve aparecer a menstruação. Após essa semana de descanso aplica-se o mesmo processo, fazemos isso, pois estamos em um novo ciclo. Isto é, três semanas com o adesivo e uma semana sem ele, bem simples.

Você deve saber que como muitos outros métodos contraceptivos, o adesivo não protege contra a AIDS ou contra as DSTs. Então sempre que for praticar o ato sexual, deve-se considerar o risco de ter que usar outros meios para evitar tais contágios.

Temos dito que deve-se consultar seu médico antes de começar a usar um tratamento anticoncepcional com adesivo ou qualquer outro método, especialmente se você sofre de problemas circulatórios, hepáticos, se é fumante, diabético ou sofre com problemas de obesidade.