Alergia Ao Níquel: O Que É, Causas, Sintomas E Tratamentos

A alergia ao níquel, também conhecida como alergia ao metal, afeta poucas pessoas em todo o mundo. Por esta razão, a verdade é que esta alergia é algo frustrante. Quando todos os seus amigos podem colocar algumas pulseira decorativa, colar ou anel, essas pessoas não podem nem mesmo segurar um punhado de moedas na mão. E tudo por causa da alergia ao níquel. Mas se você quer saber mais sobre esta alergia e saber como enfrentá-la, não perca este artigo.

Esperamos que este artigo sirva para que você possa descobrir como apareceu esta alergia e como tratá-la. Assim, você poderá interagir com todos os elementos de maneira tranquila e segura, sem medo de que surja uma erupção cutânea e coceira desconfortável.

O Que É A Alergia ao Níquel:

Trata-se de um dos metais mais populares, pois pode ser combinado com diferentes ligas. É muito conhecido entre as bijuterias especialmente, já que é um metal leve e barato. Mas, às vezes, o barato, sai caro. E é que o níquel é o metal que está desencadeando mais alergias.

Alergia ao Níquel: O Que É, Causas, Sintomas e Tratamentos

Esta alergia sempre foi muito chamativa porque não se produz de maneira pontual nem com a mesma força de reação ou nas mesmas circunstâncias. Tudo à nossa volta tem algo metálico. Por isso, pode ser que tenha níquel se essa liga precisa.

Dependendo da quantidade a que se encontra exposto, o tempo e o tamanho, a reação será de um tipo ou de outro. Mas as pessoas com alergia ao níquel, sempre acabam com algum tipo de reação. Até o ponto em que as marcas que deixa o níquel após uma reação alérgica pode chegar a se tornar permanente.
Quando a pessoa alérgica ao níquel se expõe a este metal, apenas segurando uma moeda, a pele começa a reagir. Às vezes, prematuramente. Você pode ter coceira ou dor, mas a pele sempre acaba reagindo.

Se você quer descobrir mais sobre o níquel, continue a leitura. Descubra as causas, os sintomas e como tratar essa alergia.

Causas da Alergia ao Níquel:

Trata-se de um dos metais mais utilizados. Às vezes, nem nos damos conta, mas inclusive a placa metálica de trás de um relógio pode provocar uma reação alérgica. E é que na maioria dos objetos que tem metal, tem níquel. E a maioria dos objetos que nos rodeia tem metal. Esses objetos são capazes de desencadear uma alergia ao níquel e suas consequências.

Quando as partículas milimétricas de níquel passam para a pele, as células do sistema imunológico as detecta. Se não está predisposto, mandará um sinal que desencadeará uma alergia. As mulheres estão mais predispostas, pelo uso de bijuterias, especialmente. Já que o metal é de má qualidade, e contém muito níquel, mas também existem outras maneiras com as quais se desenvolve a alergia ao níquel:

  • Chaves da casa.
  • A placa metálica de trás de um relógio.
  • Moedas.
  • Piercings.
  • Botões e zíperes.
  • Ouro branco.
  • Bijuterias.
  • Prata…

São muitos os produtos ao nosso redor que possuem níquel e que podem ter tantas concentrações que podem desencadear uma reação alérgica.

Leia também: "Como Tratar a Alergia Nervosa na Pele".

Sintomas da Alergia ao Níquel:

Para descobrir os sintomas do níquel sobre a pele, devemos levar em conta os diferentes fatores que afetam a alergia. Não existem duas reações iguais.

  • Quantidade de níquel concentrado.
  • Qualidade do metal.
  • Tempo em que a pele esteva em contato.
  • Se existe uma ferida ou rachadura anterior.
  • A sensibilidade da pele.
  • Uso de cremes.
  • Sujeira do metal.
  • Área da pele.

As pessoas que sofrem alergia ao níquel tem que ver este tipo de fatores, porque, dependendo da área onde é colocado e das outras características, a ferida pode ser maior ou menor. Vejamos as diferentes erupções cutâneas que pode provocar a alergia ao níquel:

  • Eczema agudo: ocorre em um episódio em que se desencadeia a alergia de maneira quase imediata. Neste caso, se produz um avermelhamento da área. Quando é muito intenso, podem sair até bolhas.
  • Eczema subagudo: costuma aparecer em uma área um pouco mais seca. Neste caso, a vermelhidão não é muito intensa ou a inflamação muito chamativa. Mas, sim, tem uma coceira persistente. A coceira se produz de maneira contínua. Isso significa que podemos machucar a pele, quando coçamos tão fortemente.
  • Eczema crônico: após vários dias de coceira e depois de ser exposto ao níquel, a pele fica um pouco mais grossa, ressecada e até mesmo com fissuras próprias de uma ferida. Pode se produzir uma linquenificação, que é espessamento da pele, de maneira muito acentuada.

Tratamento Para a Alergia ao Níquel:

Quando esta alergia se desencadeia não existe nada que a detenha, porque é uma coisa do sistema nervoso. Atualmente, enquanto nos mantivermos expostos ao níquel, o corpo seguirá rejeitando.

A única coisa que você pode fazer diante dessa situação é tratar a pele que foi exposta. Através de cremes de corticosteroides e agentes cicatrizantes, podemos lidar com o eczema ou as erupções cutâneas que aparecem. Desta forma, podemos acalmar a pele e fazer com que não se inflame muito. Nós podemos parar o efeito da alergia e fazer com que a coceira não nos deixe cicatriz.

Além disso, se a reação é de maneira sistemática ou está muito espalhada, você sempre poderá ir ao médico para que te trate com corticosteroides. Através de algumas pílulas de prescrição, você pode tratar as conseqüências da alergia, mas não a alergia em si.

Agora, com esta informação, você saberá como agir, para detectar se é o seu problema e colocar uma solução. Evite o desconforto que te produz os metais com níquel, com os conselhos que demos aqui em Saúde Dicas. Se este tem sido o seu caso, porque você tem alergia ao níquel, não deixe de compartilhar a experiência: como você percebeu e como tratou.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto
  • Descoberta De Um Novo Alérgeno Na Pele Do Tomate

    Existem alergias de diversos tipos e as alimentares são bastante comuns. A alergia se apresenta quando ocorre uma reação ao consumir um determinado alimento por...

  • Como Tratar A Alergia Nervosa Na Pele

    As alergias são uma resposta exagerada do nosso sistema imunológico aos agentes externos que estamos expostos ou através da ingestão de alimentos. No caso da al...

  • Remédios Para Prevenir A Alergia Ao Sol

    Existem alergias de vários tipos e cada um deles se manifesta de uma maneira diferente, com causas e sintomas distintos. Se você é uma pessoa que sofre com aler...

  • Alimentos Para Combater A Alergia Primaveral

    As alergias podem ter diversas causas e durante a primavera costumam ser mais comuns, devido ao clima, sendo chamada de alergia primaveral. A alimentação pode s...

  • Alergia Ao Frio - Urticária Ao Frio

    A urticária ao frio, também chamada de alergia ao frio é uma reação à exposição ao frio e ao vento, temperaturas baixas, contato ou imersão em água fria, contat...

  • Alergia Infantil

    A alergia é definida como uma situação onde a capacidade do corpo está prejudicada, respondendo de uma forma exagerada à uma substância, que outros indivíduos, ...