A deterioração progressiva da pele e as rugas são alguns dos problemas estéticos de maior preocupação para homens e mulheres, para aqueles que não querem recorrer à cirurgia, é possível utilizar técnicas como a termoplástica.

Termoplástica é uma tecnologia inovadora, baseada na aplicação de radiofrequência para apertar a pele sem submeter o paciente a um tratamento cirúrgico; é um procedimento seguro e rápido, permitindo que o paciente retorne em algumas horas a sua rotina diária.

A anestesia tópica é aplicada, depois o especialista irá passar por cima da área uma pistola de radiofrequência, que penetra no tecido subcutâneo, estimulando o colágeno natural da pele e a esticando.

Ele consegue uma pele mais lisa, rejuvenescida e estimula os elementos naturais, responsáveis por manter a pele saudável e firme.

Para evitar os efeitos de calor por radiofrequência, estende-se uma substância fria sobre a pele, para evitar ferimentos, o tratamento pode durar de 15 minutos até uma hora, dependendo da área a tratar e os resultados começam a ser percebidos em um período de cerca de três meses.

A duração dos efeitos da termoplástica dependem do organismo e metabolismo de cada pessoa, mas podemos dizer que uma pele mais jovem e em boas condições conserva os efeitos da terapia mais duráveis, podendo variar de nove meses a dois anos.

Termoplástica – O que é e quais são os Benefícios da Termoplástica

Vale a pena notar que, além das vantagens da termoplástica aplicada ao campo de beleza, os seus efeitos terapêuticos também são conhecidos, tal como acontece com a termoplástica brônquica, utilizada como parte do tratamento de doentes com asma refratária, e que apresenta sintomas persistentes e graves, provocando a obstrução do fluxo de ar constante, apesar de doses elevadas de corticosteroides.