A conjuntivite em bebê ou em criança é uma das doenças oculares mais comuns, trata-se de uma inflamação da conjuntiva, ou seja, o tecido fino que cobre o interior da pálpebra e a esclera, que é a parte branca do olho. Esta inflamação faz com que o olho torne-se vermelho ou rosado.

Os sintomas da conjuntivite em nossas crianças são bastante evidentes. Você vai notar que os pequenos piscam muito os olhos, que suas pálpebras estão inchadas e vermelhas e, inclusive, secretam uma secreção ocular amarela ou verde. Estes são os sinais mais evidentes, no entanto, estes podem variar dependendo da causa.

Tratamentos da Conjuntivite em Crianças

Existem quatro principais causas que originam a conjuntivite: vírus, bactérias, alérgenos ou substâncias irritantes. Dependendo do tipo de conjuntivite teremos que tomar uma ou outra medida para evitar a propagação. Por exemplo, a conjuntivite viral e bacteriana são altamente contagiosas, para evitá-las, devemos impedir que o nosso filho coce os olhos e fazer com que lave as mãos frequentemente, também podemos dar-lhe uma toalha para seu uso exclusivo; pode durar de uma a duas semanas. A conjuntivite deriva dos alérgenos ou substâncias irritantes não é contagiosa, mas podem aparecer outras infecções.

Colírio ou Pomada

Antes de iniciar algum tratamento, o melhor que podemos fazer é ir procurar um pediatra. O tratamento, que geralmente dura uma semana, pode ser aplicado em colírio, em pomada ou em gel. A escolha de um ou outro, será dada de acordo com a idade da nossa criança.

Compressas de Água Fria

Se você não deseja aplicar antibióticos ou o pediatra não recomenda podemos aliviar os sintomas da doença colocando compressa de água fria sobre os olhos, limpe com soro fisiológico, lembre-se de usar uma gaze diferente para cada olho.

Para mais informações, recomendamos a leitura do nosso artigo "Remédios Caseiros Para Conjuntivite".

O que você pensa sobre esta informação para saber como tratar a conjuntivite em crianças?