O óleo essencial de lavanda é possivelmente o óleo mais utilizado de todos, devido aos seus numerosos benefícios para a saúde, também é um dos mais utilizados em cosméticos e perfumaria. A seguir te contamos alguns dos seus usos e propriedades:

  • Exerce uma ação calmante e refrescante, que ajuda a aliviar os distúrbios do sono, tonturas, estresse, depressão, ansiedade, etc. Por tudo isso, o seu uso é altamente recomendado em práticas de meditação. Além de suas propriedades relaxantes favorece a regulação da função cardíaca, fazendo baixar a pressão arterial.
  • Ideal para aliviar dores musculares e articulares mediante massagens, já que é um forte analgésico geral, que estimula a circulação. Reduz a tensão muscular, o reumatismo, o lumbago, a inflamação, os danos decorrentes de acidentes vasculares cerebrais, etc. Uma leve massagem no pescoço e nas têmporas com algumas gotas deste óleo faz desaparecer rapidamente as dores de cabeça. Para que a ação da massagem seja ainda mais reconfortante, o óleo de lavanda pode ser misturado com outro óleo essencial que contenha propriedades semelhantes, tais como o óleo de amêndoa doce.
  • É usado em muitos cremes para um tratamento regenerativo natural e eficaz. O seu poder anti-séptico regula a produção de oleosidade da pele, por isso é um bom aliado contra a acne, além de ajudar a curar as bolhas, feridas ou queimaduras. Suaviza também cicatrizes, estrias e rugas.
  • Acalma em grande parte a coceira e a irritação que produzem as picadas de insetos, servindo também como um repelente para os mesmos.
  • Melhora infecções respiratórias (tosse, asma, gripe, bronquite, laringite, congestão nasal, etc.) graças às suas qualidades antiespasmódicas e desinflamatórias dos músculos, neste caso, naqueles responsáveis pelo processo respiratório.
  • Óleo de lavanda é frequentemente utilizado na culinária, principalmente em receitas de pães e sobremesas.

Para mais informações, não deixe de ler também: “Remédios Caseiros Com Lavanda e Seu Óleo“.