A maioria das pessoas não associa o inverno com as alergias, mas estas persistem nos meses frios, quando surgem problemas ligeiramente diferentes do resto das outras estações; e uma simples reação alérgica pode se tornar algo mais complicado.

É importante seguir estas simples dicas para minimizar a exposição à alérgenos no inverno:

  • Utilize um umidificador para reduzir a secura no ar, mas não transforme a sua casa em uma floresta tropical, já que os ácaros da poeira prosperam em umidade superior a 60% e com temperaturas de 15-30°C. O mofo também cresce mais rapidamente em ambientes úmidos, por isso recomendamos uma umidade máxima de 50%.
  • Evite os tapetes sempre que puder, já que é um ambiente favorável para os ácaros da poeira.
  • Mantenha limpos de poeira e esvazie regularmente os quartos, usando um aspirador de pó com filtro de ar de alta eficiência para partículas de ar; os filtros HEPA podem filtrar partículas menores.
  • Lave as fronhas semanalmente em água quente, pelo menos a 55ºC, para matar os ácaros da poeira, e utilize colchões e travesseiros hipoalergênicos, para manter os ácaros da poeira presos.
  • Para minimizar os pelos de animais, dê banhos a cada 15 dias, mas não com mais frequência, já que pode ressecar o pelo e a pele do animal de estimação; mantenha os animais fora do quarto da pessoa que tem alergias.
    Cinco Dicas Para Prevenir as Alergias no Inverno

Se você tiver feito todo o possível para prevenir as alergias em sua casa, mas ainda têm os sintomas, você deve levar em conta as áreas públicas, tais como locais de trabalho ou centros de lazer que podem ter as mesmas condições que induzem a alergia como na sua casa: ar seco, pólen e ácaros da poeira; além de pessoas que possuem animais e muitas vezes transportam os pelos de seus animais em suas roupas, inadvertidamente em locais públicos.

Para mais informações sobre alergias, não deixe de conferir o artigo “Será Que Todos os Animais de Estimação Podem Causar Alergias?“.