As dores musculares são muito comuns e podem afetar um ou mais músculos do corpo, bem como ligamentos, tendões, fáscias e tecidos moles que são responsáveis ​​pela ligação dos músculos, ossos e órgãos. As causas subjacentes e sua gravidade pode variar muito, e por isso é sempre importante receber a atenção médica para determinar a sua origem e receber o tratamento adequado.

Na maioria dos casos, a dor muscular geralmente é associada ao estresse, sobrecarga de postura, má postura por longos períodos ou lesões musculares normalmente causadas por exercícios ou trabalhos fisicamente exigentes. Por sua vez, as lesões musculares podem ser causadas por fatores externos (feridas e contusões) e fatores internos (entorses, distensões musculares ou fraturas).

Em todas essas situações, a dor muscular geralmente afeta um ou mais músculos específicos e começa durante ou logo após terminar uma atividade e sua origem geralmente é muito fácil de identificar.

Mas há outro tipo de dor muscular que pode ser um sintoma de outras doenças, como algumas infecções (gripe) e desordens que envolvem tecidos conjuntivos em todo o corpo (no caso de lúpus).

Em relação ao tratamento das dores musculares, pode se dividir em dois grupos:

Dor Muscular – Como Tratar as Dores Musculares?

  • A dor muscular aguda: que é aquela que ocorre subitamente, como resultado quase sempre de uma lesão (contratura dos isquiotibiais, entorses).

Estas dores geram uma inflamação, é por isso que elas são geralmente bem intensas. O tratamento visa em primeiro lugar reduzir esta inflamação. Para este fim, se bloqueia a articulação e os músculos que foram afetados, se coloca frio nos locais durante 72 horas para reduzir a inflamação e são utilizados medicamentos que nos permitem controlar a dor, tais como anti-inflamatórios.

  • A dor muscular crônica: a maioria é causada por sobrecarga muscular excessiva. Ela pode ser prevenida evitando-se fatores como obesidade, falta de exercício e de tonificação ​​muscular e inatividade física.

O tratamento deste tipo de dor muscular é diferente da dor muscular aguda. Assim, devemos aplicar calor no local para aliviar a dor. Enquanto que na dor aguda não é muito necessário, na dor crônica devemos ir a um fisioterapeuta e receber massagem por pessoal qualificado. Você também pode fazer o uso de anti-inflamatórios.

Se a dor crônica é muito intensa, podem ser úteis as injeções de toxina botulínica (famoso Botox) em certos pontos causando um relaxamento do músculo, o que reduzirá substancialmente ou eliminará a dor no prazo de 3 a 7 dias. O efeito destas injeções dura de 4 a 6 meses, e, se necessário pode ser repetido.