A beterraba é uma das hortaliças mais consumidas e energéticas, pois os muitos benefícios da beterraba para a saúde a tornam altamente recomendada para a maioria das pessoas. É rica em vitaminas B e C, possui alto teor de potássio, ferro e caroteno, e é particularmente indicada para os casos de anemia e doenças do sangue.

A beterraba pode ser consumida de muitas e diferentes maneiras, embora a melhor seja consumir a beterraba crua, porque assim mantém melhor as suas propriedades. No entanto, também pode ser servida cozida ou em conserva, sendo esta a opção mais comum, porque o seu uso mais frequente é em saladas.

Propriedades da Beterraba

Quer conhecer as propriedades da beterraba? Contamos-te todos os detalhes nas próximas linhas:

Esta hortaliça destaca-se por ser particularmente rica em ácido folato e ácido fólico, o que a converte em um alimento indispensável para as mulheres grávidas. E essas substâncias ajudam a prevenir defeitos do tubo neural do feto, principalmente nas primeiras semanas de gestação.

Além disso, a beterraba é um bom remédio para prevenir infecções na bexiga urinária e para melhorar a ação diurética, graças à sua elevada percentagem de potássio e sódio. Desta maneira, favorece a eliminação de líquidos, por isso é benéfica em casos de problemas de retenção de líquidos ou de pedras nos rins.

Benefícios da Beterraba

Por outro lado, seu alto teor de fibras faz deste alimento um bom laxante, por isso combate a constipação de uma forma totalmente natural. Possui tanto fibra solúvel quanto insolúvel, sendo esta última, que ajuda no bom funcionamento do trato intestinal, enquanto que a primeira controla os níveis de açúcar e colesterol no sangue.

A beterraba é rica em vitaminas do grupo B (B1, B2, B3 e B6). Devido ao seu teor de B2 ou riboflavina, esta hortaliça tem um papel importante na produção de anticorpos e de células vermelhas do sangue, e funciona na manutenção do epitélio da mucosa.

Por outro lado, a vitamina B3 ou niacina ajuda a melhorar o funcionamento do sistema digestivo, assim como o bom estado da pele, do sistema nervoso e a produção de energia. Além disso, a vitamina B6 colabora com a ação do metabolismo celular e no funcionamento do sistema imunológico. Também é rica em iodo, sódio e potássio, e, em menor quantidade, em magnésio, fósforo e cálcio.

Outra grande vantagem é a sua ação antioxidante, pois possui um grande número de antocianinas, as quais por sua vez outorgam essa cor tão característica. Estes antioxidantes bloqueiam os efeitos nocivos dos radicais livres, ajudando assim a prevenir doenças cardiovasculares e outras doenças degenerativas.

Este alimento é perfeito para dietas de emagrecimento, já que o seu conteúdo calórico é muito baixo, sendo formado principalmente por água e hidratos de carbono. Além disso, é ideal para utilizar em pratos de baixa caloria, como uma salada ou um salteado de verduras. Também é rica em luteína e zeaxantina, que ajudam a prevenir problemas de saúde ocular.

Leia também: “Propriedades Depurativas da Beterraba“.

No entanto, existe um tipo de pessoas que devem evitar o consumo da beterraba, e são aquelas que sofrem predisposição para desenvolver pedras nos rins de oxalato de cálcio. Esta hortaliça é rica neste composto, assim como o espinafre e a acelga, uma substância que pode formar nos intestinos complexos insolúveis com minerais que impedem a sua própria assimilação.

No momento de comprar beterraba fresca, é aconselhável escolher as mais firmes, redondas e carnudas, assim como as que não tenham manchas e sejam de cor vermelho intenso. Também é melhor escolher um pacote com folhas verdes, já que isso indica que a raiz é jovem. Se também vamos utilizar as folhas, estas devem estar macias.

Para conservá-las, devem ser mantidas na geladeira, dentro de um saco plástico. Assim, podem se manter frescas por duas a três semanas, enquanto que as folhas, por outro lado, também devem ser conservadas em um saco plástico, mas separadamente e sem lavá-las. Estas últimas podem durar de três a cinco dias.