Como Usar As Crucíferas Para Combater O Colesterol

Sem dúvida alguma, um dos melhores tipos de plantas que você pode ter ao seu lado no momento de combater o colesterol elevado são as crucíferas. Estes vegetais não apenas não têm gorduras prejudiciais, muito menos, mas também proporcionarão grandes benefícios para combater este problema. Não perca este artigo para conhecer mais sobre o tema!

Você é um habitual consumidor de crucíferas? Bem, talvez você seja e nem saiba disso. As crucíferas são as plantas da família das couves. Por exemplo, a couve, a couve de Bruxelas, brócolis, couve-flor e até mesmo o agrião. São todos vegetais mais do que saudáveis, pois não têm gorduras prejudiciais e quase todos os seus componentes sempre são desejáveis e muito nutritivos para a saúde. Não deixe de levar em conta essas opções em sua dieta anti-colesterol!

Algumas crucíferas que te ajudarão na dieta contra o colesterol:

Couve-flor: rica em enxofre, em fibra e muitas coisas mais, é sempre uma ótima alternativa para incorporar na dieta contra o colesterol. Você deve fervê-la (apesar do seu cheiro desagradável em tais casos), ou consumir crua, mas sempre que esteja macia. Você pode processá-la finamente até formar um falso cuscuz e fazer uma rica salada, assim bem crua e saudável.

Como Usar as Crucíferas Para Combater o Colesterol

Repolho ou couve: perfeita para comer crua em saladas, cortada muito fina. Ou simplesmente para consumir no formato que mais te agrada. São as crucíferas mais tradicionais, ricas em vitamina C, antioxidantes e muita fibra, além de ter pouquíssimas calorias (40 por cada 100 gramas). E você também pode usá-las em uma água de repolho.

Couves de Bruxelas: essas couves são as mais resistidas, devido ao seu sabor bastante poderoso. Mas você pode cozinhá-las e incorporá-las em sua dieta diária, onde te darão uma grande ajuda para combater o colesterol alto, pois são ricas em fibras, enxofre, em várias vitaminas e quase nulas em gorduras, além de ter muito poucas calorias. Também são ricas em iodo e potássio. O ideal é consumi-las gratinadas, embora sem queijo, para não atrapalhar seus planos.

Brócolis: um dos vegetais mais saudáveis e adequada para a dieta que existe. É considerado anticancerígeno, antioxidante, tem fibra e é sempre bom para sua saúde. Obviamente, também contra o colesterol e ajuda a reduzir os triglicérides. Cru, bem macio, pode ser consumido sem problemas. Ou com uma breve fervura. É perfeito para acompanhar massas, arroz, saladas e como você imaginar. Saciante e pouco calórico, além de bastante saudável.

Agrião: talvez não seja de todo conhecido dentro da família das crucíferas, mas tem grandes propriedades que ajudam a combater o colesterol alto. É bom por seu conteúdo de vitamina C, é rico em ferro e também possui luteína, uma substância que ajuda a evitar a formação de placas nas artérias. São usados em saladas como qualquer folha verde.

Não hesite em considerar estas ótimas opções para reduzir seu colesterol com a ajuda das crucíferas! É que todas, tanto por suas fibras, como pelo baixo teor de gordura, por sua capacidade antioxidante ou pela leveza que apresentam, em geral, não vão ser um problema em sua dieta anticolesterol, mas sim o contrário.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Confira Mais Sobre Esse Assuto