A prisão de ventre é uma dificuldade que pode causar distúrbios em nossos ritmos e nossa saúde em geral.

É extremamente chata e desconfortável, mas não existe nada que não tenha solução.

Neste artigo te contamos como se regularizar de maneira natural para acelerar o trânsito intestinal, reestruturando a sua dieta e incluindo os alimentos mais benéficos.

Conselho Básico: Água

Essencialmente os problemas de prisão de ventre se agravam e perpetuam quando a água que bebemos diariamente é escassa. Acontece que o corpo naturalmente retém os resíduos até absorver cada gota de água... Desta forma os resíduos se endurecem e o trânsito fica mais lento. Não deixe de beber água, o ideal são 2 litros por dia.

Dicas e Alimentos Para Prisão de Ventre

Consumo de Fibras Para Prisão de Ventre

O consumo de fibras, juntamente com a ingestão diária de água suficiente pode significar o fim do problema. A fibra retém a umidade durante o trânsito e o processamento dos alimentos em nosso sistema digestivo. Se consumirmos alimentos que são absorvidos quase em sua totalidade geramos pequenas quantidades de resíduos e, portanto, estes endurecem e o trânsito intestinal se torna lento... Assim acontece quando ingerimos quase em sua totalidade alimentos hiper proteicos como laticínios, carne e carboidratos sem fibras.

Leia também: "Prisão de Ventre: Alimentos Que Causam Prisão de Ventre".

Alimentos Eficazes Contra a Prisão de Ventre

Existem determinados alimentos que contribuem por sua estrutura para facilitar o trânsito intestinal. Contamos-te quais são eles:

  • Ameixas.
  • Peras.
  • Sementes de linhaça.
  • Pão integral.
  • Verduras de folhas verdes.
  • Frutos secos.
  • Grãos com casca (grão de bico, feijão, arroz integral).
  • Frutas com casca (aquelas que sejam comestíveis como peras, maçãs ou ameixas).

Finalmente, se você percebe que o consumo dos alimentos mencionados acima é escasso em sua dieta, incorpore-os gradualmente, para que o seu sistema digestivo se adapte de forma gradual, e, desta maneira, não sofra desconfortos.