Milho-Painço: Um Cereal Muito Completo Para Nutrição

O milho-painço ou  milhete não é apenas um alimento para pássaros, é um perfeito complemento para uma alimentação saudável, pois fornece propriedades únicas. Também por sua composição não se parece em nada com outras farinhas, sendo especialmente adequado para pessoas com problemas de glicemia. Tampouco contém glúten e isso o torna um dos favoritos dos celíacos. Nada mal para este grão tão pequeno? Neste artigo, revelamos todas as suas vantagens e como utilizá-lo na cozinha todos os dias.

Este cereal tão pequeno é conhecido como um dos mais completos por suas propriedades alcalinizantes, remineralizantes, muito digestivo e fácil de cozinhar. Panicum Milaceum é o nome científico de milho, um cereal rico em carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais. Fornece energia boa para o organismo e como não é um hidrato simples, mas sim um complexo, sua absorção é muito lenta, com isso não representa um problema para as pessoas com diabetes e que devem restringir as farinhas. Outra de suas maiores vantagens é que substitui perfeitamente outros cereais e alimentos que contêm glúten, o que o torna essencial na dieta dos celíacos. Tem muito mais proteínas do arroz e muita fibra, portanto, colabora com uma boa digestão.

Leia também: "A Importância e As Propriedades dos Cereais na Alimentação".

Milho-Painço: Um Cereal Muito Completo Para Nutrição

Milhete: Nutrientes e Propriedades

  • Ajuda a regular os casos de constipação, colesterol, glicose e triglicérides.
  • Boa fonte de magnésio, um mineral que melhora o tônus muscular e o sistema nervoso.
  • Contém vitaminas do grupo B, como vitamina B1 (reforça a atividade mental, a coordenação, a depressão e melhora estados de cansaço), vitamina B9 ou ácido fólico (essencial durante a gravidez), vitamina B6 (melhora o sistema nervoso, imunológico e hormonal) e vitamina B2 (promove a atividade de oxigenação intercelular e regeneração dos tecidos e melhora a saúde ocular).
  • É uma fonte natural de fósforo, um mineral essencial para a formação e desenvolvimento de ossos e dentes e durante o aleitamento, e favorece um bom desempenho intelectual e da memória.
  • Também contém ácidos graxos, ferro, zinco, iodo e vitamina E.

É importante destacar também que o milhete alcaliniza o organismo, ou seja, equilibra o nosso pH e nos ajuda a compensar os efeitos acidificantes de uma dieta ruim. A medicina natural o pondera entre seus super alimentos e a culinária macrobiótica o inclui em todas as dietas. Fornece de tudo e colabora com a saúde em geral, assim pode ser muito útil para as pessoas que sofrem de azia, úlceras, constipação, diarreia, gases, etc. E quase não tem contraindicações, porque é muito bom em casos de diabetes anemia, gravidez, lactação, e especialmente etapas de estresse e exaustão.

Para consumi-lo é necessário cozinhá-lo, já que cru pode apresentar mal estar. Quando são aquecidos suas toxinas são destruídas e os grãos se tornam comestíveis por qualquer pessoa. É preciso guardá-lo em um recipiente hermético ou em seu pacote em um lugar da cozinha fresco e seco evitando a umidade e mofo. Antes de usá-lo você deve lavá-lo para eliminar qualquer sujeira e se cozinha tostando na frigideira por aproximadamente 4 minutos. Ali tomará um aroma tostado, como noz. Também pode ser cozido em água, até que o cereal a consuma toda.

Leia também: "Novos e Saudáveis Cereais Sem Glúten Para os Celíacos".

O milhete pronto pode ser usado como acompanhamento, base para hambúrgueres, sopas, saladas, almôndegas, ensopados e até mesmo preparações doces.
Este pequeno cereal é um básico que não deve faltar em nossa alimentação diária. Você apenas tem que estar aberto para novas opções e incluí-lo em cada preparação possível sem temer o seu sabor que é bastante neutro. Frio ou quente engrandece nutricionalmente qualquer refeição.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto