É o câncer mais comum e os números continuam aumentando. Aqui, te contamos qual é a causa do câncer de pele, dos tipos de câncer de pele e o que você pode fazer para reduzir o risco de desenvolvê-lo.

Agora que estamos em pleno inverno, a maioria de nós está desejando que chegue o verão para poder desfrutar do sol. No entanto, o sol, apesar de ser nosso amigo e aliado para a saúde, também é um inimigo para a pele. Como tudo, devemos tomá-lo com moderação e precaução. A exposição aos raios ultravioletas – UV – do sol é a principal causa de câncer de pele. Além disso, estes raios são os responsáveis pelas rugas e outros sinais de envelhecimento.

Você quer ter uma pele de 30 anos, quando tiver 40 anos? A chave está em recordar que você deve se proteger do sol. Enquanto, durante a juventude os danos causados pelo sol não são aparentes, depois, sim, se tornam evidentes.

Leia também: “O Que é um Melanoma?“.

O câncer de pele é um dos mais comuns e a cada dia se apresentam novos casos. Caso você não saiba, existem três tipos de câncer de pele:

  • Carcinoma das células basais ou basocelular: este é o tipo mais comum de câncer de pele. Desenvolve-se quando as células da camada inferior da epiderme crescem de maneira anormal.
    O que Você Deve Saber sobre o Câncer de Pele
  • Carcinoma das células escamosas: neste tipo de câncer de pele, as alterações ocorrem nas células escamosas que se encontram na camada média da pele.
  • Melanoma: apesar de ser menos comum do que os outros dois tipos de câncer, trata-se do mais perigoso e o que tira mais vidas. Desenvolve-se nos melanócitos, que são as células que produzem o pigmento.

Os dois primeiros tipos de câncer são conhecidos como “não melanomas” e podem ser tratados se detectados precocemente. O melanoma, por outro lado, é muito mais perigoso e se não tratado, pode se espalhar rapidamente para outros órgãos do corpo e ser fatal.

Quais são as causas do câncer de pele? A exposição aos raios ultravioletas – UV – do sol é a principal causa, mas as câmaras ou camas de bronzeamento também representam um sério risco para a saúde da pele. Também, é importante levar em conta que a exposição ao sol durante os meses de inverno é igualmente prejudicial que durante o verão. Portanto, não confie!

Você acredita que as pessoas de pele escura não desenvolvem câncer de pele? Isso é um mito. Embora seja verdade que existem fatores de risco que fazem com que determinadas pessoas estejam mais propensas a desenvolvê-lo, o câncer de pele pode afetar qualquer pessoa.

Fatores de Risco para Câncer de Pele:

  • Ter pele clara.
  • Genética: se houver antecedentes de câncer de pele na família.
  • Idade: o câncer de pele – especialmente os do tipo não melanoma – são mais comuns após os 40 anos de idade.
  • Exposição ao sol e queimaduras solares.

Leia também: “Melanoma: Como Prevenir“.

Agora que você sabe os fatores de risco, pode estar se perguntando se existe alguma maneira de prevenir esse tipo de câncer. A resposta é afirmativa, e certamente você já está familiarizado (a) com algumas formas de prevenção, como o uso de protetor solar com um fator de proteção – FPS – de 15 ou mais. Você deve aplicá-lo 30 minutos antes da exposição ao sol e depois de passar algumas horas.

Dicas para Prevenir o Câncer de Pele:

  • Evitar a exposição solar entre as dez horas da manhã as três horas da tarde.
  • Escolha produtos cosméticos que tenham fator de proteção UV.
  • Use óculos escuros com fator de proteção UV.
  • Conhecer a sua pele para detectar mudanças em sua cor ou em manchas já existentes.

Anteriormente, pensava-se que 80% dos danos causados pelo sol ocorriam antes dos 18 anos, sabe-se agora que apenas se adquire 23% da dose de raios ultravioletas. Portanto, não há razão para não se cuidar sempre. Embora se saiba que se você sofreu uma queimadura solar grave antes dos 18 anos, suas possibilidades de desenvolver câncer são duplicadas quando adulto.

isso é um chamado de atenção para os pais para que não descuidem da pele de seus filhos. Você deve ser um modelo a seguir, a pele é o maior órgão de todo o corpo, é inestimável e devemos cuidá-la.