Como Preparar A Casa Para Cuidar De Um Paciente Com Alzheimer

Um dos seus pais tem Alzheimer. O médico disse que ele já não pode mais viver sozinho e que o melhor é que viva em sua casa. Como preparar sua casa? É importante que seja o mais confortável e seguro possível. Em Saúde Dicas te damos nove dicas para que você saiba por onde começar.

É melhor prevenir do que remediar! Essa é a chave. Por isso, você precisa ter presentes as características do Alzheimer para saber o que você precisa prevenir.

O Alzheimer geralmente afeta partes do cérebro relacionadas com o pensamento lógico, a memória, a capacidade de manter uma conversa, de somar e subtrair, de se orientar em um lugar e no tempo. Além disso, também afeta lentamente os sentidos: visão, tato, olfato, paladar, audição. Por isso, não se surpreenda que seu pai ou mãe esteja de mau humor ou agressivo, tropece facilmente, não escute o som da campainha, se perca quando vai ao supermercado, esqueça de desligar o fogão ou ferro, deixe o telefone na geladeira ou refrigerador, decida sair à meia-noite pensando que já amanheceu, etc.

Como Preparar a Casa Para Cuidar de um Paciente Com Alzheimer

Por onde começar? Percorra cada um dos espaços da casa. Pense em todo o que o paciente precisa usar todos os dias, e certifique-se que esteja fácil de usar, conveniente e seguro.

Como Preparar Uma Casa Para Cuidar de Um Paciente Com Alzheimer:

1. Quarto: Verifique se...

  • Pode se sentar ou parar facilmente na cama e cadeira.
  • A televisão e as luzes devem ser fáceis de ascender.
  • Pode tirar sua roupa com facilidade do armário.

2. Banheiro: Certifique-se de...

  • Pode chegar fácil e rápido ao banheiro durante a noite.
  • Tenha uma luz noturna no banheiro para evitar quedas e confusões no escuro.
  • Pode se sentar facilmente no vaso do banheiro e no chuveiro; e, se possível, evite as banheiras e instale barras nas paredes para ajudá-lo.
  • Tenha fácil acesso ao papel higiênico, toalha e sabão.

3. Cozinha: É importante que...

  • As panelas, pratos e copos possam ser segurados com facilidade, sem ter que ficar na ponta dos pés ou se agachar.
  • A geladeira possa ser aberta e fechada com facilidade.
  • O fogão tenha botões seguros e de desligamento automático.
  • Não há triturador de alimentos na pia.

4. Telefone: Certifique se de...

  • Seja fácil de usar, com números grandes e com os números de telefone importantes programados para discar com apenas um número.
  • Coloque a lista de números de emergência ao lado de cada telefone da casa: ambulância, médico, hospital, parentes próximos, bombeiros, etc.
  • Instale vários telefones ou um celular que possa sempre estar ao alcance da pessoa em caso de uma queda.
  • Se você usa sem fio, certifique-se de que tenha um localizador no caso de que a pessoa se confunda e o coloque no lugar errado.

Leia também: "Tratamentos Alternativos Para Alzheimer".

5. Evite os Tropeços: Remova qualquer coisa que possa ficar no caminho e possa provocar tropeços, como cabos no chão, mesas ou plantas nos corredores, escadas sem corrimão ou escadas em mau estado. Os tapetes pequenos não são recomendados, é melhor usar os grandes para evitar que a pessoa tropece constantemente nas bordas ou que escorregue com eles.

6. Os Objetos Perigosos. Mantenha trancadas as facas de cozinha, tesouras de costura, os implementos da grelha se você gosta de assados, e os implementos de jardinagem. E se há armas na casa, com mais razão você deve mantê-las fora do alcance. O seguro para crianças em algumas gavetas serve também.

7. Portas e Janelas. A facilidade e segurança devem ser as duas características das entradas e saídas. Embora pareçam contrárias, podem ser alcançadas ao mesmo tempo quando você tem as portas e janelas funcionando sem problemas. Certifique-se de que possam ser abertas rapidamente em caso de uma emergência, como um incêndio ou quando a pessoa com Alzheimer se tranca sozinha. E também que possam se fechar bem para evitar que a pessoa saia sem ser vista.

8. Fogo. Verifique se o fogão funciona corretamente, que não tenha vazamento de gás e que não existam objetos inflamáveis próximos que possam se incendiar facilmente. Mantenha guardadas velas, fósforos e isqueiros.

Tenha muito cuidado com os aquecedores do ambiente quando chega o inverno. Coloque alarmes de incêndio, especialmente na cozinha, e verifique se as baterias funcionam frequentemente.

9. Chaves da Casa. Dê cópias das chaves para vários membros da família ou algum vizinho em caso de emergência. Assim, não apenas estará tornando mais fácil a vida da pessoa doente, mas também a sua e de toda sua família. E você terá mais tranquilidade para dar-lhe todo o amor e compreensão que ele ou ela precisa neste momento. Na verdade, você também tem que cuidar de si mesmo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto