Flebite: O Que É, Sintomas, Causas, Remédios Caseiros E Recomendações

À flebite refere-se à inflamação das veias e pode se tratar das veias superficiais (trombo flebite) próximas da pele ou das veias profundas das pernas.

Em ambas, você deve ter cuidado, já que não é apenas uma doença dolorosa e angustiante, mas que se ocorre a formação de um coágulo de sangue e este se aloja nas veias pulmonares, os resultados podem ser graves para a saúde.

Os principais sintomas da flebite são:

  • Dor na área da veia afetada.
  • Vermelhidão e/ou inchaço.
  • Rigidez muscular na área afetada.

As principais causas são:

  • Traumas.
  • Doença de Buerger.
  • Infecção por substâncias irritantes.
  • Aumento da tendência do sangue a coagular por doenças genéticas, consumo excessivo de gordura e contraceptivos orais.
  • Redução do fluxo de sangue em uma área por causa de um repouso prolongado na cama ou inatividade.
Flebite: O Que É, Sintomas, Causas, Remédios Caseiros e Recomendações

Devido ao fato de que a flebite das veias profundas requer de hospitalização e tratamento com anticoagulantes, nesta seção apenas apresentamos remédios caseiros e recomendações para aqueles que foram diagnosticados com flebite nas veias superficiais e estão sob cuidados médicos, a fim de aliviar as dores e ajudar a reduzir as possibilidades de uma recorrência.

Remédios Caseiros Para Flebite:

  • Ferva 50 gramas de linhaça em três litros de água durante 25 minutos. Em seguida, coe e esprema bem as sementes. Em seguida, banhe a área afetada com este líquido morno ou aplicar diretamente em forma de compressas.
  • Aplique diariamente panos umedecidos em arnica sobre a área afetada. Deixe colocado de 5 a 15 minutos.
  • Tome uma cápsula ginkgo biloba todos os dias.
  • Comer uma fatia de abacaxi, especialmente na parte da manhã. O abacaxi tem bromelaína (uma enzima natural) que inibe a formação de coágulos, portanto, previne a trombo flebite.
  • Ferva, durante 5 minutos, a parte branca de 7 talos de aipo junto com um litro de água. Coe e adicione o suco de 2 limões. Tome 3 xícaras por dia.
  • Despeje 2 colheres de sopa de trevo doce em uma xícara de água que está fervendo. Cubra e deixe descansar por 10 minutos. Beba 1 xícara 3 vezes ao dia.

Leia também: “Flebite: Sintomas e Tratamentos”.

  • Esmague folhas frescas de cardo mariano até conseguir uma pasta. Em seguida, aplique sobre a área afetada e, em seguida, cubra esta área com cânhamo. Este remédio deve ser aplicado até que se nota certa melhora na parte inflamada, tantas vezes quanto necessário.
  • Misture 100 gramas de flores de camomila e 100 gramas de raiz de eneldo. Coloque 1 litro de água para ferver; quando ferver, despeje a mistura de ervas e deixe descansar por alguns minutos antes de coá-la. Em seguida, despeje em um frasco previamente esterilizado. Toma na razão de duas doses por dia.
  • Realize um banho de cavalinha: para fazer isso, ferva por alguns instantes ½ quilo de cavalinha fresca em 3 litros de água e adicione a decocção à água do banho.

Leia também: "Causas da Flebite".

Recomendações

Recomendações Nutricionais: Comer alimentos ricos em fibras, como frutas, verduras, cereais, feijão, nozes e sementes. Consuma porções de alho, gengibre, cebola e pimenta. Estas especiarias tendem a diluir o sangue e evitar a formação de coágulos.

Aumente o consumo de cerejas, mirtilos e amoras, já que contêm produtos químicos chamados proantocianidinas e antocianidinas que ajudam a melhorar a função das veias.

Recomendações Gerais: Não a pílula contraceptiva. Se uma mulher tem antecedentes de flebite ou formação de coágulos de sangue, não deve tomar contraceptivos orais, já que seu uso aumenta a incidência desta doença.

Abstenha-se de usar cintas ou roupas ajustadas que comprimam a circulação nas extremidades ou no abdômen (faixas, cintas). Eleve a área afetada. Levante a perna entre 15 e 30 centímetros acima do coração parece aumentar o fluxo de sangue através das veias.

Use meias de suporte. As meias elásticas são úteis para prevenir a flebite, aliviando a dor. Limitar a ingestão de gordura. As gorduras saturadas são hidrogenadas estão relacionadas com um maior risco de trombose e uma deficiente circulação sanguínea.

Tomar medidas ao viajar. Se você deseja realizar uma longa viagem, seja de carro ou de avião, você não deve ficar muito tempo sentado, para evitar que a circulação se torne lenta e possa ser formado um coágulo. Recomenda-se, no caso de viagens de carro, parar com frequência para caminhar. Se você estiver fazendo uma viagem de avião, aconselha-se colocar meias elásticas antes de embarcar no avião; levantar-se do seu assento e caminhar pelo corredor aproximadamente a cada 30 minutos após a decolagem. Convém solicitar um assento próximo do corredor.

Não fumar. Muitas vezes uma pessoa pode sofrer de flebite sem saber que esta é apenas um sintoma da doença de Buerger, a qual está diretamente relacionada ao tabagismo. A única cura é abandonar o tabagismo. Por isso, recomenda-se não fumar.

Faça exercícios. É necessário que a pessoa que sofre de flebite faça exercícios, especialmente caminhar, já que ajuda a manter as veias vazias.

Quando receber atenção médica de urgência. É necessário receber atenção médica imediata se, em conjunto com os sintomas da flebite, se apresenta febre a qual persiste ao longo de uma semana. Esta situação poderia indicar que existe uma infecção que requer o uso de antibióticos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto