O Que é Gota?

É a inflamação das articulações causada por depósitos no interior de cristais de ácido úrico. Sua presença causa dor, vermelhidão e inchaço. Ela pode afetar qualquer articulação, mas o mais comum e típico é o metatarso-falangeana (primeiro). É 20 vezes mais comum em homens.

Causas

Níveis elevados de ácido úrico no sangue devido ao aumento da produção ou redução da sua eliminação pelos rins.

Sintomas

Dor súbita e intensa nas articulações inflamadas, geralmente na base do dedo do pé ou articulações. A dor é extremamente sensível (qualquer atrito torna-se insuportável).

As articulações afetadas tornam-se vermelhas, quentes, inchadas.

A pele sobre as articulações também é vermelha.

Em casos de longa data aparecem depósitos de ácido úrico embaixo da pele, orelhas e dorso das mãos principalmente.

O excesso de ácido úrico no sangue provoca o aparecimento de pedras nos rins.

Fatores de Risco

• Uso de medicamentos: diuréticos (para urinar), por exemplo, hidroclorotiazida.

• Alguns antibióticos.

• Medicações anti-câncer, especialmente no tratamento de cânceres do sangue.

• Algumas doenças do sangue, como leucemia e policitemia.

Gota (Artrite Gotosa Aguda)

• Histórico familiar de gota.

• Homens com mais de 60 anos.

• Obesidade.

• Diversas doenças, tais como: problemas de tireoide, problema de rim, algumas anemias, hiperlipidemia, pressão arterial elevada, diabetes, doenças vasculares.

• Tratamento com radioterapia ou cirurgia.

Leia também: “Gota: Sintomas E Tratamentos Para A Gota“.

Prevenção

Evitar fatores de risco, tanto quanto possível.

Evite comer grandes quantidades de alimentos ricos em ácido úrico como: anchovas, sardinhas, fígado.

Diagnóstico e Tratamento

Diagnóstico: exames laboratoriais como os exames de sangue para o controle dos níveis de ácido úrico e líquido comum, raios-X.

Tratamento: o objetivo do tratamento é controlar os sintomas e descobrir a causa subjacente.

Use compressas frias nas articulações dolorosas.

Medicação: anti-inflamatório para controlar a inflamação das articulações, a indometacina é particularmente eficaz. São usados medicamentos incluindo colchicina ou prednisona, para controle da dor em caso de uma crise aguda.

Para alguns pacientes é indicada uma medicação em longo prazo, como o alopurinol, a fim de reduzir a produção de ácido úrico, probenecida ou para aumentar a excreção do ácido úrico pelos rins. Esses medicamentos têm efeitos colaterais significativos.

Dieta: não comer fígado, pâncreas, rins, anchovas ou sardinhas.

Beber 10-12 copos de água diariamente. Grandes quantidades de água mantém a urina diluída (que ajuda a prevenir pedras nos rins). Não beber bebidas alcoólicas, especialmente cerveja e vinho tinto (pode piorar ou desencadear uma crise).

Se você estiver com sobrepeso, siga uma dieta para perda de peso com acompanhamento pelo seu médico. Não faça nenhuma dieta radical: uma súbita perda de peso pode causar uma crise de gota.

Possíveis Complicações

Não cumprimento de qualquer tratamento:

• Articulações deformadas e paralisia.

• Pedras nos rins.

• Inflamação dos ossos, ligamentos e tendões.

Prognóstico

A primeira crise pode durar alguns dias, as crises recorrentes são comuns quando ainda não existe tratamento ou medidas sanitárias para reduzir os níveis de ácido úrico no sangue. Os sintomas podem ser eliminados mediante tratamento.