Recomendações Da Oms Para As Grávidas Sobre O Vírus Zika

A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou em um comunicado que a maioria das mulheres grávidas procedentes de áreas afetadas pelo vírus Zika, terão filhos normais. Também colocou ênfase no fato de que os estudos por ultrassom não são 100% acertados na detecção de microcefalia, apenas quando se trata de um caso grave.

Por outro lado, assegurou que a proteção durante o ato sexual com preservativo é o método mais eficaz de prevenir a propagação do Zika, assim como outras doenças sexualmente transmissíveis. O vírus foi detectado no sêmen humano, por isso o homem infectado é capaz de contaminar sua parceira.

Os homens e mulheres que vivem ou regressaram de áreas onde o vírus do Zika está presente, devem ter práticas sexuais seguras. Esta doença se encontra em cerca de 30 países da América Latina e do Caribe, inclusive chegou até a China e Austrália.

Recomendações da OMS Para as Grávidas Sobre o Vírus Zika

Em 1º de Fevereiro passado, a OMS declarou uma emergência de saúde global, pela quantidade de casos de nascimentos de bebês com microcefalia no Brasil. Há suspeitas de que este problema esteja relacionado internamente com o vírus são muitas, mas não há nenhuma evidência científica para confirmá-la.

A organização também disse neste comunicado que o vírus foi detectado no leite materno, mas não existe evidência de que seja transmitido aos bebês através da amamentação.

Paralelamente esclareceu que as mulheres grávidas ou tentando engravidar devem tomar medidas adicionais para se protegerem das picadas do mosquito, que atua como um vetor do Zika e também transmite a dengue e chikungunya.

As medidas recomendadas para grávidas contra o vírus Zika pela OMS são:

  • Uso de repelentes que contenham DEET sobre a pele descoberta e sobre a roupa.
  • Uso de roupas de cor clara, que cubra o corpo, tanto quanto possível.
  • Usar proteção contra mosquitos nas janelas e portas.
  • Dormir com mosquiteiros, mesmo durante o dia, já que o mosquito é mais ativo.
  • Eliminar todos os locais onde o mosquito possa se reproduzir e alimentar.
  • Limpar os recipientes de água, por menores que sejam, e sempre mantê-los fechados.

Outro detalhe a destacar, é que a OMS considera que as mulheres que desejam interromper sua gravidez por medo de que seu filho sofra de microcefalia, devem contar com o acesso a um serviço de aborto seguro de acordo com a lei, e que nos países onde isso é proibido, devem receber informações precisas sobre as opções com as quais contam.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto