Síndrome De Turner: O Que É, Sintomas, Diagnóstico E Tratamento

É uma condição genética que acontece apenas com as mulheres, em cujas células há apenas um cromossomo X (normalmente as mulheres têm dois cromossomos X) ou parte do mesmo.

Isto pode causar muitos sinais e sintomas, entre os quais os mais frequentes são: baixa estatura, falta de desenvolvimento dos ovários e de maturação sexual e infertilidade.

Sintomas da Síndrome de Turner

Quanto à estatura baixa, se detecta ao nascer, já que estes bebês tendem há serem um pouco menores do que a média. A falta de crescimento continua mais tarde. Os que não seguem o tratamento não sofrem o típico surto de crescimento da puberdade, mas continuam crescendo lentamente até alcançar os 20 anos.

Síndrome de Turner: O que é, Sintomas, Diagnóstico e Tratamento

A deficiência de ovário se apresenta em 90% dessas meninas; os ovários não produzem os óvulos nem os hormônios (estrogênio e progesterona) necessários para o normal desenvolvimento das características sexuais. A fertilidade costuma ser praticamente excepcional em meninas que sofrem a síndrome de Turner.

Quanto às características físicas, as pessoas que sofrem apresentam palato estreito com um arco alto, o maxilar inferior é retraído para trás; as orelhas são mais baixas do que a altura normal, a linha de crescimento do cabelo é muito baixa na parte de trás da cabeça, o pescoço é muito largo, tal como acontece com o tórax; estrabismo, desvio lateral da coluna vertebral; pés planos, unhas pequenas e arqueadas para cima nas mãos e nos pés, inflamação das mãos e pés, especialmente ao nascer.

A inteligência costuma ser normal, embora apresentem dificuldades no processo espaço-temporal, na memória e na atenção não verbal. Outras condições possíveis que produz a síndrome de Turner são as alterações cardíacas, as renais, as de tireoide e outros problemas, como a otite média.

Diagnóstico para a Síndrome de Turner

Pode ser realizado inclusive antes do nascimento, com a prática de um cariótipo para observar os cromossomos do feto. A ecografia detecta a situação dos órgãos reprodutivos femininos. Também são realizadas análises hormonais e eco cardiografia para identificar eventuais defeitos ou danos ao coração.

Leia também: "Síndrome de Turner: O Que É, Sintomas e Tratamento".

Remédios e Tratamentos para Síndrome de Turner

Em primeiro lugar, é preciso controlar as corretas quantidades de hormônio do crescimento humano, para aumentar o crescimento médio e obter uma estatura final maior nessas meninas.

A terapia com estrogênio é necessária em quase todos os casos. O tratamento costuma ser iniciado aos 12-14 anos e deve ser individualizado, para desta forma obter o crescimento e desenvolvimento da puberdade. Os estrogênios são dados em doses baixas, o que inicia a puberdade e o desenvolvimento dos seios; depois a dose é aumentada e adicionada à progesterona para poder começar a menstruação normal.

Os estrogênios também são importantes para manter a massa óssea adequada, por isso que esta terapia é recomendada por toda a vida, variando as doses em relação às ingeridas na puberdade. Para a fertilidade é possível doação de óvulos por um membro da família ou uma doadora anônima e a fertilização in vitro com o embrião transferido.

As afetadas podem ter um período de vida e reprodutivo normal, sempre e quando for realizado um controle médico rigoroso e constante.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Confira Mais Sobre Esse Assuto