Uma das nossas preocupações, seja se planejamos ter filhos ou se já estamos com esse novo ser em nosso útero, é como recuperar o peso adquirido, uma vez que nasceu, especialmente se fomos submetidas a uma cesariana.

Quando ficamos grávidas de fato, a felicidade nos embarga, estamos com um novo ser dentro de nós, uma condição maravilhosa da qual, unicamente nós poderemos desfrutar (sim amigas leitoras, os homens jamais poderão sequer ter ideia).

No entanto, para essa felicidade que se adiciona às nossas vidas, também vem a possibilidade de ficarmos, uma vez que nasce a criança, com esses quilinhos extras que tanto temos.

E esta é a preocupação de muitas mulheres. Inclusive, por aí temos escutado comentários de mulheres que temem a gravidez por esse motivo.

Escrevemos esse artigo, em nome de todas aquelas mães que desejam perder peso após o nascimento dos seus filhos, especialmente quando passaram por uma cesariana.

Como Funciona a Cesariana?

A cesariana é um tipo de parto que consiste em uma incisão na região inferior do abdômen. Desta forma, se consegue extrair o bebê do útero materno.
O corte que se realiza é horizontal pois facilita a recuperação da mãe, evita danos aos músculos do útero, por isso será possível dar à luz por parto natural na próxima vez.

Como Perder Peso após a Cesariana?

A cesariana se prescreve quando, por alguns ou vários motivos, a vida do bebê e da mãe são colocadas em risco, embora hoje em dia, as cada vez mais altas taxas de cesáreas em vez de partos naturais em clínicas e hospitais indiquem para muitas pessoas que isso é mais produto da conveniência econômica do que de uma verdadeira necessidade médica para a paciente.

Estas são as causas pelas quais uma cesariana é prescrita:

  • O cordão umbilical está perigosamente enrolado no bebê.
  • A mãe teve uma cesariana anterior até 10 anos antes.
  • A mãe tem a pélvis muito estreita, malformada.
  • Diminui a frequência cardíaca do bebê.
  • Pré-eclampsia ou eclampsia na mãe.
  • Período de trabalho de parto prolongado ou dilatação muito lenta.
  • Bebê muito grande ou bebê prematuro.
  • Pedido expresso da mãe (não suporta a dor do parto, nem o tempo do trabalho), fadiga materna.

Leia também: “Saiba mais Sobre a Recuperação após a Cesariana“.

A Recuperação após a Cesariana

Não pense que depois de deixar a cesariana já estará fazendo exercícios. A cesariana é uma operação abdominal, uma cirurgia, que, como qualquer outra, tem seus riscos e seu período de recuperação.

Nas primeiras doze horas, por exemplo, você sentirá desconforto que será aliviado com o passar do tempo. Você receberá medicamentos através da via epidural para aliviar a dor e prevenir as infecções. Ainda não poderá se levantar, mas, sim, amamentar o seu bebê. E o médico te recomendará não falar nesse momento, pois podem ser formados gases dolorosos.

No dia seguinte, você já terá que ir dando os seus primeiros passos, isso é crucial para evitar os coágulos, gases e recompor em geral o seu organismo. Será difícil, mas pouco a pouco, você conseguirá, sempre com ajuda no início. Você continuará com a medicação para a dor por mais uma semana.

Em cerca de 4 – 6 meses, em média, você já estará em condições de retomar a sua vida, como costumava ser. Você deve obter a permissão do seu médico para iniciar um programa de exercícios para recuperar o seu peso.

Como Perder Peso Apos a Gravidez

Recuperar o seu peso não será uma tarefa fácil depois de uma gravidez e parto por cesariana. Não pense em dietas extenuantes porque você não deve deixar de ingerir os nutrientes que o seu bebê precisará através da amamentação. De fato, a amamentação também contribuirá para o seu peso seja reduzido, mas você deve levar em conta todas essas características antes de tudo.

O mais aconselhável antes de mais nada é ter a permissão do nosso médico de família para começar a fazer exercícios. Se for uma mãe de primeira viagem, tem sido uma pessoa que fazia esporte antes, o tempo aproximado para começar a se exercitar, pode ser entre dois e três meses. Mas para aquelas que apenas pensam em fazer exercícios, o mínimo será de seis meses.

Agora, com que tipo de exercícios você começará a treinar? Os especialistas dizem que os exercícios devem ser feitos aos poucos, começando com rotinas muito suaves que não comprometam a área abdominal.

“As costuras externas da cesariana são aquelas que cicatrizam primeiro e as internas são as que demoram mais, por isso, é preferível que a área do abdômen comece a ser trabalhada após um ano. Você pode ir trabalhando os braços ou pernas, utilizando pequenos halteres, de pouco peso, mas isso será compensado com mais repetições”.