Para manter bons hábitos alimentares você pode desfrutar de uma dieta saudável e equilibrada. Por isso, é sempre muito importante prestar atenção ao alimento que consumimos, uma vez que nossa saúde depende muito do que ingerimos especialmente em longo prazo.

Na sociedade de hoje é dada bastante atenção à aparência e ao culto da figura perfeita, periodicamente aparecem inúmeras dietas milagrosas que prometem nos ajudar a perder peso ou ganhar peso em pouco tempo. No entanto, você deve ter muito cuidado, pois muitas dietas podem representar um risco grave para a nossa saúde e não fornecer os nutrientes que o nosso corpo necessita.

Por isso, o segredo é sempre consultar seu médico antes de iniciar qualquer dieta, pois ele é o único que pode descartar qualquer problema fisiológico, decifrar qualquer problema de peso e discutir todas as questões relacionadas à saúde, como o excesso de peso ou a obesidade. O médico vai desenvolver uma dieta personalizada que irá permitir-nos perder peso de forma saudável.

Daí a importância de destacar a atenção para a necessidade de irmos à especialistas qualificados sempre que formos fazer uma dieta para perder ou ganhar peso, muitas pessoas realizam dietas por conta própria e isso pode representar um risco claro para a sua saúde.

Os Perigos da Dieta Atkins

Existe uma variedade de dietas, mas nem todas são adequados para todos e nem todas são saudáveis. Uma das mais conhecidas é a dieta de Atkins, ou dieta das proteínas que permite a perda de peso muito rápido. No entanto, como mencionado acima, esta dieta deve sempre ser controlada por um médico por ter numerosos de efeitos secundários. Entre os mais proeminentes estão a prisão de ventre, aumento dos níveis de ácido úrico, colesterol e triglicérides.

Além disso, um novo estudo concluiu que as dietas baixas em carboidratos e altas em proteínas, tais como a dieta Atkins e todas outras inspiradas nela, podem aumentar o risco em longo prazo de uma doença cardiovascular, tal como um ataque cardíaco ou derrame. Para chegar a esses resultados, foram estudadas durante 15 anos cerca de 44.000 mulheres na Suécia. Os resultados mostraram que as mulheres que seguiram regularmente estas dietas tinham um risco 28% maior de desenvolver estas doenças.

Especialistas estão preocupados, pois muitas mulheres jovens seguem esses padrões de consumo alimentar no mundo, quando querem perder peso em pouco tempo, e isso poderia gerar graves problemas de saúde no futuro. Os especialistas salientam que, na verdade, essas dietas com baixo teor de carboidrato são bastante eficazes na perda de peso em um curto espaço de tempo, mas o problema é dado pelos efeitos negativos dessas dietas sobre a saúde em longo prazo, especialmente quando fontes de proteínas são de origem animal e quando se recorre a ingestão de carboidratos naturais.

Para mais informações, recomendamos a leitura do artigo “A Dieta Atkins: Como Funciona?