Sempre que uma nova temporada chega, as pessoas começam coisas absurdas que terminam abandonado, entre elas; coleções inúteis e colocar-se em dietas.

Cada vez que chegam essas épocas, pessoas vão aos consultórios em busca de estratégias escolhidas para começar a perder peso. É certo que a maioria tem boa intenção, mas tão inútil quanto às coleções que se acumulam nas prateleiras e terminam em doação.

Compilamos os quatro erros mais comuns, pois são os erros da grande maioria de pessoas que não pensam nada além do que perder peso. Provavelmente algum já passou por sua cabeça. Esperamos que depois de ler esse artigo, nenhuma delas permaneça em sua mente.

1. Remover o Pão

É incompreensível essa estratégia, é como se o pão fosse a causa da obesidade. Talvez se você comer quatro pães por dia, o pão tenha a culpa. O fato é que o pão não é o responsável. Deixar de comer pão é como se punir, como um castigo. Apenas coma o pão de forma saudável, em hora certa, na hora do lanche não ficar comendo uma fatia atrás da outra, pois fará que perca o controle, não terminar o jantar a beliscar um pão.

Tudo que é em demasia deixa de ser saudável. Comer duas fatias durante cada refeição é necessário e de direito, ao final é um carboidrato com ingestão de fibras, por isso não é ruim ou a causa de seu excesso de peso.

Quatro Ideias Absurdas Para Emagrecer – O Que Não se Deve Fazer Para Tentar Emagrecer

2. Pular Uma Refeição

Exatamente o oposto. A perda de peso (de gordura, é claro) é essencial para aumentar o número de alimentos e reduzir a quantidade de cada um deles. Tudo que passar mais do que 2 ou 3 horas sem comer nada, vai “educar” seu corpo para um metabolismo econômico. O que você precisa é justamente o oposto, elevar sua taxa metabólica, aumentar a frequência da alimentação, evitar episódios de hipoglicemia, no momento em que a glicose do sangue baixa, gira o mecanismo de defesa e o corpo se adapta ao reduzir a taxa metabólica e uma das consequências é que a gordura se acumula de forma mais eficiente e também não permite que você queime nenhuma reserva. Assim, quando alguém diz que quanto menos come, mais engorda, essa pessoa está corretíssima. Pois ela está fazendo o possível para ganhar gordura.

Leia também: “Erros Comuns em Dietas de Emagrecimento“.

3. “Planejar” Dietas

Cuidado com as dietas milagrosas. Desconfie das dietas dissociadas, o abacaxi, as cores, ser um vegetariano. Dietas desequilibradas estão longe de serem saudáveis como um estilo de vida. Jantar apenas uma salada quase todos os dias pode ser um acerto, mas viver apenas de salada é um erro grave. Todas as vezes que se ouve alguém dizer “Eu comecei a planejar”, tudo que se vê é fracasso no médio prazo. Nosso organismo, metabolismo e ciclo vital, não aceitam muito bem as grandes mudanças. É melhor mudar pouco a pouco, modificando pequenos hábitos do que colocar-se em dietas rigorosas de um dia para o outro. É melhor substituir a ideia de “Em janeiro eu começo a planejar uma dieta”, por “Em janeiro eu começo a mudar meus hábitos alimentares incorretos”, dará resultados muito melhores.

4. Ingerir Alimentos “Queimadores de Gorduras”

Pensar que as soluções para teus quilos a mais serão solucionadas com infusões, frutas exóticas, cápsulas de L-carnitina e sopas depurativas, é perda de tempo e em alguns casos de saúde. Não se engane pensando que os alimentos possuem propriedades lipotrópicas e que por alguma reação química desconhecida a gordura se dissolverá e será expulsa do organismo. Seria ingenuidade acreditar que uma área específica de seu corpo pode ser removida em um mês. Claro, a ignorância nos faz feliz assim em curto prazo e pessoas infelizes em médio prazo e frustradas em longo prazo. Só ha uma situação em que o abacaxi emagrece, o suco de frutas vermelhas queimam gordura, o chá verde emagrece e a L-carnitina funciona e assombrosamente, é quando os tomamos e fazemos exercício, nos colocamos em movimento. Tire suas próprias conclusões.

Vale lembrar as senhoras (porque são sempre senhoras) que compram cookies L-carnitina porque diz queimar 10 calorias, o que não sabem é que cada cookie fornece 50 calorias. Repetimos que, não há nenhum alimento que queime gordura.