O Que São Caulim, Pectina, e Alcaloides da Beladona?

A combinação de caulim, pectina, e alcaloides da beladona é usada para tratar a diarreia. No entanto, em geral, foi substituída por medicamentos mais seguros para o tratamento da diarreia.

Se alguma das informações e dicas contidas neste artigo de saúde lhe causa uma preocupação especial ou quiser mais informações sobre o seu medicamento e sua utilização, consulte o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico. Lembre-se de manter este e todos os outros medicamentos fora do alcance das crianças e nunca compartilhe seus medicamentos com outras pessoas.

Informações Importantes

Se estiver tomando este medicamento sem receita médica, leia e siga todas as precauções no rótulo.

É preciso ter um cuidado especial se você…

  • É alérgico a algum medicamento, prescrito ou não.
  • Estiver grávida ou se planeja engravidar durante o uso deste medicamento.
  • Estiver amamentando.
  • Está tomando qualquer outro medicamento prescrito ou não, especialmente depressores do sistema nervoso central, cetoconazol, inibidores da monoamina oxidase ou cloreto de potássio.
  • Possui algum outro problema médico, especialmente colite ou doença intestinal, disenteria, enfisema, asma, bronquite ou outra doença pulmonar crônica, glaucoma, doença renal ou doença hepática.
    Caulim, Pectina, e Alcaloides da Beladona (Oral)

Se você tiver dúvidas, consulte o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.

Posologia

Tome este medicamento apenas como indicado no rótulo ou conforme indicado pelo seu médico. Não tome mais do mesmo ou tome por mais tempo do que previsto. Fazer isso pode aumentar a probabilidade de efeitos indesejados. Isto é especialmente importante para as crianças e idosos que podem ser mais sensíveis aos efeitos deste medicamento.

Use uma colher especial de medição ou outro dispositivo para medir cada dose com precisão. Talvez a colher de chá de casa comum não contenha a quantidade correta de líquido.

Importância da dieta e de líquidos durante o tratamento para diarreia:

Além de usar o remédio para diarreia, é muito importante que você substitua o líquido perdido pelo corpo e siga uma dieta apropriada. Para as primeiras 24 horas você deve comer gelatina e beber bastante líquidos claros sem cafeína, como refrigerante descafeinado, chá descafeinado e caldo. Durante as próximas 24 horas, você pode comer alimentos leves como os cereais cozidos, pão, bolachas e compota de maçã.

Consulte o seu médico o mais rapidamente possível, se qualquer dos seguintes sinais de muita perda de fluído aparecerem: diminuição da micção, tonturas ou vertigens, aumento da sede, boca seca ou pele enrugada.

Para guardar este medicamento:

Mantenha fora do alcance das crianças. Armazene longe do calor e da luz direta. Não armazene no banheiro, perto da pia da cozinha, ou em outros lugares úmidos. Calor ou umidade podem comprometer o medicamento. Não guarde medicamentos vencidos.

Precauções

Consulte o seu médico se a diarreia não parar após 2 dias ou ocorrer febre.

Antes de ter qualquer análise médica, diga a pessoa responsável que está utilizando este medicamento. Os resultados de alguns testes podem ser afetados por este medicamento.

Este medicamento aumentará a influência do álcool e outros depressores do sistema nervoso central (medicamentos que retardam o sistema nervoso, podendo causar sonolência). Consulte o seu médico antes de tomar calmantes ao usar este medicamento.

Este medicamento pode causar em algumas pessoas sonolência e tontura.

Certifique-se de que você saiba como reage a este medicamento antes de conduzir ou utilizar máquinas ou realizar outras tarefas que exijam estar alerta.

Este medicamento pode fazer você suar menos, causando um aumento da temperatura do seu corpo.

Não fique exposto durante muito tempo sobre o tempo quente, pois pode provocar insolação. Além disso, banhos quentes ou saunas podem fazer você sentir tonturas ou até desmaio durante o uso deste medicamento.

Efeitos Colaterais

Os efeitos colaterais que devem ser comunicados imediatamente ao seu médico:

Raros: constipação, distensão abdominal, perda de apetite, dor de estômago (grave) com náuseas e vômitos.

Outros efeitos colaterais que devem ser comunicados ao seu médico:

Raros: alucinações, falta de ar, erupções cutâneas ou prurido, batimento cardíaco lento e difícil.

Os efeitos colaterais que geralmente não requerem atenção médica:

Estes efeitos secundários podem desaparecer durante o tratamento, mas se continuam ou são incômodos, verifique com seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.

Mais comuns com altas doses: confusão, prisão de ventre, diminuição da sudorese, tontura, sono, boca, nariz ou garganta, pele seca, sensação de batimento cardíaco fraco, rápido, rubor ou vermelhidão da face, cefaleia, aumento da sudorese, tontura, perda da memória (especialmente em idosos com uso), dificuldade em urinar.

Outros efeitos secundários não mencionados acima podem também ocorrer em alguns pacientes. Se notar qualquer outro efeito, verifique com seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.