O Que é Claritromicina?

Claritromicina é usada para tratar infecções bacterianas em muitas partes diferentes do corpo. Também é usado para tratar e prevenir a infecção por Micobacterium avium e para tratar úlcera duodenal causada pelo H. pylori (germe). No entanto, este medicamento não funcionará para resfriados, gripes ou outras infecções virais. Claritromicina pode também ser usado para outros problemas determinados pelo seu médico.

Se alguma das informações e dicas contidas neste artigo de saúde lhe causa uma preocupação especial ou quiser mais informações sobre o seu medicamento e sua utilização, consulte o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico. Lembre-se de manter este e todos os outros medicamentos fora do alcance das crianças e nunca compartilhe seus medicamentos com outras pessoas.

Informações Importantes

Informe o seu médico, enfermeiro ou farmacêutico se…

  • É alérgico a algum medicamento, prescrito ou não.
  • Estiver grávida ou se planeja engravidar durante o uso deste medicamento.
  • Estiver amamentando.
  • Está tomando qualquer outro medicamento prescrito ou não, especialmente astemizol, carbamazepina, cisaprida, digoxina, pimozida, rifabutina, rifampicina, terfenadina, medicamentos contendo terfenadina, teofilina, varfarina e zidovudina.
    Claritromicina (Oral)
  • Possui algum outro problema médico.

Posologia

Claritromicina pode ser tomada com alimentos ou leite ou com o estômago vazio.

Se estiver tomando claritromicina e zidovudina, estes medicamentos devem ser tomados com pelo menos 4 horas de diferença.

Para ajudar a curar completamente sua infecção, a utilização deste medicamento deve ser completa durante todo o tempo do tratamento, mesmo se você começar a se sentir melhor. Se parar de utilizar este medicamento demasiado cedo, os sintomas podem voltar.

Se você estiver usando suspensão oral de claritromicina, use uma colher especialmente marcada de medição ou outro instrumento para medir cada dose com precisão.

Talvez a colher de chá de casa comum não contenha a quantidade correta do líquido.

Se você esquecer uma dose deste medicamento, tome-a logo que possível. No entanto, se estiver quase na hora da dose seguinte, pule a dose esquecida e retome ao seu esquema posológico regular. Nada de doses duplas.

Para guardar este medicamento:

Mantenha fora do alcance das crianças. Armazene longe do calor e da luz direta. Não armazene no banheiro, perto da pia da cozinha, ou em outros lugares úmidos. Calor ou umidade podem comprometer o medicamento. Não guarde medicamentos vencidos.

Leia também: “Úlceras Estomacais: Plantas Medicinais Para o Tratamento de Úlceras Estomacais“.

Precauções

Claritromicina não deve ser tomado com astemizol, cisaprida, pimozida, terfenadina ou medicamentos contendo terfenadina. Isso pode aumentar o risco de efeitos secundários graves que afetam o coração.

Se os sintomas não melhorarem dentro de alguns dias ou se agravarem, consulte o seu médico.

Efeitos Colaterais

Os efeitos colaterais que devem ser comunicados ao seu médico:

Raros: cãibras, dor abdominal ou dor de estômago (grave), diarreia aquosa e grave, que pode também ser sangrenta, febre, náusea ou vômito, falta de ar, erupções cutâneas e prurido, hemorragia ou nódoas escuras, olhos ou pele amarela.

Os efeitos colaterais que geralmente não requerem atenção médica:

Estes efeitos secundários podem desaparecer durante o tratamento, mas se continuam ou são incômodos, verifique com seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.

Menos comuns: Mudança no paladar (leve), diarreia, dor de cabeça.

Outros efeitos secundários não mencionados acima podem também ocorrer em alguns pacientes. Se notar qualquer outro efeito, verifique com seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.