Medicamentos Que Podem Fazer Engordar

Quando uma pessoa engorda sem uma razão aparente, pode ser devido a certos medicamentos que geram um aumento de peso, ainda quando se segue uma dieta rigorosa.

As drogas contidas em medicamentos antidepressivos e medicamentos para a diabetes, os esteroides, os hormônios e outros preparados poderiam ser os responsáveis pela dificuldade de perder alguns quilos.

Medicamentos que Podem Fazer Engordar:

Antidepressivos. Enquanto a maioria dos antidepressivos não infere sobre o peso corporal, aqueles que têm paroxetina pode tornar mais difícil a perda de quilos.

Medicamentos que Podem Fazer Engordar

A fluoxetina (Prozac) e citalopram também podem contribuir para o aumento de peso quando são tomados em longo prazo. Outros antidepressivos que aumentam o peso corporal são os tricíclicos, como mirtazapina e amitriptilina.

Esteroide: Os corticosteroides orais, como é o caso da prednisona pode aumentar o peso corporal, quando tomado em doses elevadas, tais como é o caso do tratamento para doença inflamatória intestinal ou asma.

Cabe destacar que quando se toma doses mais baixas, mas de forma contínua, também é possível experimentar um aumento do peso corporal. Nesses casos, os médicos costumam prescrever metformina para combater este ganho de peso, mas de igual modo você tem que realizar exercício regularmente e seguir uma dieta saudável.

Leia também: "Sete Erros Que Você Poderia Cometer ao Tomar Medicamentos e Como Evitá-los".

Estabilizadores de Humor: Os medicamentos utilizados para tratar o transtorno bipolar e a esquizofrenia também podem causar ganho de peso. O mesmo acontece com os estabilizadores de humor e os anticonvulsivantes para controlar a epilepsia.

O ácido valproico é especialmente associado ao aumento de peso em mulheres, e o lítio apresenta efeitos semelhantes. Não são medicamentos que podem ser facilmente substituídos, por isso é importante manter uma dieta rigorosa quando você está em tratamento.

Anti-histamínicos: O problema com estes fármacos é que a histamina dificulta a capacidade do cérebro para regular o consumo de alimentos, por isso o uso crônico de fexofenadina e loratadina, difenidramina e ciproeptadina gera um aumento de peso.

Medicamentos Para Diabetes: Quando você precisa regular a insulina, o apetite também pode ser afetado. Os fármacos usados para este fim, como é o caso da sulfonilureia, nateglinida e repaglinida, podem levar a um aumento de peso.

Em alguns casos, os especialistas indicam a utilização de sitagliptina, metformina e exenatida, já que têm menos impacto sobre o peso corporal.

Hormônios: A maioria dos contraceptivos orais apenas causa retenção de líquidos, aqueles que têm acetato de medroxiprogesterona, sim, podem aumentar o peso corporal.

Paralelamente, os contraceptivos que têm apenas progesterona, estão associados com o ganho de peso em longo prazo, como os implantes de etonogestrel.

Beta Bloqueador: São fármacos usados para tratar as doenças cardíacas, e comumente se prescreve para pessoas com pressão arterial elevada.

Os medicamentos como propranolol, metoprolol e atenolol são os mais receitados e também os mais propensos a dificultar a perda de peso.

Medicamentos Para Enxaqueca: Fármacos como a gabapentina pode causar um ganho de peso, os antidepressivos tricíclicos e o ácido valproico.

Bloqueadores dos Canais de Cálcio: Ao tomar este tipo de medicamentos é importante controlar o peso corporal, já que as drogas que contém causam um aumento rápido.

Medicamentos Contra o Câncer: Metotrexato, ciclofosfamida, tamoxifeno, 5-fluorouracil podem gerar um aumento do peso corporal.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto