Proteínas

A proteína é composta por uma série de aminoácidos unidos entre si como uma corrente. As ligações que contêm estes aminoácidos juntos são conhecidas como ligações peptídicas. Os aminoácidos são a principal fonte de nitrogênio no corpo. Ter um saldo positivo de nitrogênio é essencial para o crescimento muscular e a recuperação. Além das suas propriedades de construção muscular, a proteína é necessária para:

  • Manter um nível de pH equilibrado no sangue.
  • Conservar o tecido muscular.
  • Atuar como uma fonte de energia quando não existem carboidratos disponíveis.
  • Construir e manter os níveis adequados de hormônios.
  • As reações químicas necessárias que ocorrem no organismo.
  • Manter o funcionamento do sistema imunológico do corpo adequadamente.
  • Uma adequada regulação do equilíbrio de água do corpo.

O aumento da ingestão diária de proteínas durante a realização de um programa de treinamento de resistência ajuda a aumentar a massa muscular magra. O corpo humano está em um constante estado de “substituição proteica”. O tecido muscular está continuamente sendo reparado e substituído. Para maximizar esta reparação, deve-se manter um saldo proteico positivo de nitrogênio. Esta é a razão pela qual os fisiculturistas e as pessoas que desejam aumentar a sua massa muscular necessitam de mais proteína. O consumo frequente de proteínas assegura um fluxo constante de aminoácidos e ajuda a manter um equilíbrio apropriado de nitrogênio.

Os Melhores Suplementos Para Aumentar a Massa Muscular

Os suplementos de proteína são fontes de aminoácidos e são utilizados para ajudar os fisiculturistas e atletas a alcançar os seus desejados requisitos diários de ingestão de proteínas. Os tipos de suplementos de proteína incluem proteína em pó, as barras de proteína, os ganhadores de peso e os substitutos de refeição.

Leia também: “Proteínas para Melhorar a Saúde“.

Os suplementos de proteína contêm geralmente mais do que 20 a 30 gramas de proteína por porção e são fortificados com vitaminas e minerais.

Proteína de Soro

As proteínas de soro representam 20% das proteínas do leite. A proteína de soro é um subproduto na produção de queijo e é a fonte de proteínas com o valor biológico mais alto. Inicialmente pensado como apenas um produto de resíduos, a proteína de soro é hoje o suplemento mais popular.

A proteína de soro fornece ao organismo um perfil de aminoácidos perfeito para a construção muscular, aumento da força e a recuperação.

O soro é também de rápida ingestão, ou seja, chega onde mais se necessita de forma rápida. Os suplementos de proteína de soro desempenham um papel muito importante na nutrição após o treinamento, quando o seu corpo está em um estado catabólico e precisa de uma injeção rápida de proteína. A proteína de soro tem efeitos sobre o desempenho:

  • Aumenta a massa muscular magra.
  • Reduz o tempo de recuperação.
  • Aumenta a taxa metabólica.

Isolado de proteína de soro

O isolado de soro é uma versão mais cara da proteína de soro. Trata-se de uma fonte de proteína com o valor biológico mais alto, contém menos gordura e lactose por porção. Este é um dos produtos que tem sido quimicamente purificado para remover a maioria das impurezas. Em geral, as estirpes isoladas são de 90% de proteína pura. O seu maior benefício está na melhor assimilação e digestão, fornecendo ao nosso corpo um perfeito perfil de aminoácidos para o ganho muscular. Os isolados de soro são recomendados após o treinamento para repor os aminoácidos rapidamente e começar a recuperação muscular o mais rápido possível.

Caseína

A caseína é uma proteína de digestão lenta que fornece uma corrente em longo prazo de aminoácidos com a intenção de ajudar a manter um balanço nitrogenado positivo durante períodos mais longos de tempo. Uma proteína de digestão lenta é uma ótima opção para tomar antes de dormir à noite.

Leia também: “Caseína: Benefícios da Caseína, 100% de Proteína“.

Aminoácidos

Além dos shakes de proteína, tomar um suplemento de aminoácidos essenciais e não essenciais adicionais serve para combiná-los com as refeições principais e completar assim o aminograma da proteína.

BCAA’s

O BCAA’s ou aminoácidos de cadeia ramificada é um termo que se refere a uma cadeia de três aminoácidos essenciais leucina, isoleucina e valina. A combinação destes três aminoácidos essenciais constitui mais de um terço do músculo esquelético no corpo e desempenha um papel vital na síntese de proteínas. Os BCAA’s são de especial importância para os atletas, porque se metabolizam nos músculos no lugar do fígado. Isto significa que são mais susceptíveis de serem utilizados para construir o músculo em vez de queimar combustível para produzir energia.

Glutamina

A glutamina pode influenciar na recuperação do tecido muscular apoiando o crescimento muscular e a força enquanto melhora a função imune. Também tem a capacidade de aumentar os níveis de hormônio do crescimento no corpo. Esta é uma grande vantagem para aqueles que querem se concentrar na construção muscular.

Leia também: “Para Que Serve a Glutamina?

Creatina

A creatina é um dos suplementos mais populares para a construção muscular. A creatina tem demonstrado ser de grande importância para melhorar a força, o treinamento de resistência, fornece energia e ajuda a aumentar o músculo. A creatina é uma substância produzida pelo organismo e é utilizada para armazenar energia. A creatina é composta por três aminoácidos, arginina, glicina e metionina. Nosso fígado tem a capacidade de combinar estes três aminoácidos para formar a creatina. A creatina é convertida em fosfato de creatina por meio de reação com ADP para se converter em ATP, a fonte de energia para executar as contrações musculares de alta intensidade e curta duração.

A creatina melhora a síntese de proteínas e pode adicionar 4,5 kg de massa muscular e um ganho de força de até 10%. A absorção de creatina pode ser maximizada mediante a adoção com uma proporção de 1:1 de proteínas e, quando tomada em conjunto com os alimentos que contêm um elevado índice glicêmico (IG), alimentos que contêm uma alta concentração de açúcares simples.

Leia também: “Tipos De Creatina“.

Suplementos estimulantes da testosterona e hormônio do crescimento

ZMA

O ZMA é uma combinação de magnésio, zinco e vitamina B6. Recentemente foi descoberto que a combinação de zinco e magnésio em uma dose suficientemente elevada pode aumentar substancialmente os níveis de testosterona. O zinco não é apenas necessário para a produção de testosterona, também é um poderoso antioxidante que acelera o tempo de cicatrização. O magnésio é necessário para a função muscular e mais de 300 reações no corpo. Além disso, o ZMA promove um sono mais profundo e reparador (que por si só é importante na produção de testosterona e HGH).

Leia também: “ZMA: Suplemento Para Aumento De Força E Suas Características“.

Suplemento de extratos naturais

Outros suplementos populares para aumentar os níveis de testosterona incluem, mas não se limitam a, feno-grego, tribulus, saw palmetto e ácido D-aspártico. Todos estes ingredientes, exceto o ácido D-aspártico, são extratos de plantas naturais e, além de elevar naturalmente os níveis de testosterona podem ter mais um efeito: aumentar o desejo sexual em algumas pessoas. Em geral, a maioria das pessoas tem obtido resultados com pelo menos um, ou uma combinação destas substâncias. A maioria dos suplementos pró-hormonais conta com uma impressionante lista de ingredientes que aumentam os níveis de testosterona e HGH.

GABA (ácido gama-aminobutírico)

GABA é um aminoácido que tem demonstrado ser um potente neurotransmissor e um grande potenciador da secreção de hormônio do crescimento em atletas.

Aminoácidos

Outros aminoácidos que desempenham um papel importante no aumento da secreção de hormônio do crescimento incluem ornitina, lisina, glutamina BCAA, taurina e arginina. A partir destes aminoácidos em quantidades suficientes é possível obter resultados notáveis. Levando em conta que o hormônio do crescimento é secretado durante o sono, os suplementos que estimulam a melatonina podem desempenhar um papel importante na estimulação do hormônio do crescimento.

Multivitamínicos

As vitaminas e os minerais são essenciais para a saúde humana. Ambos têm muitas funções no corpo, o crescimento dos tecidos do organismo, a produção de energia, a contração muscular, a saúde imunológica, a recuperação do exercício e reprodução.

Devido aos maus hábitos alimentares da sociedade de hoje, muitas pessoas são deficientes em vitaminas e minerais, e, portanto, a suplementação com um complexo multivitamínico é essencial para assegurar que essas necessidades estejam sendo atendidas. As necessidades de vitamina de qualquer pessoa que tenha um programa de treinamento pesado são maiores do que em uma pessoa sedentária. O treinamento esgota as reservas de vitaminas e minerais no organismo e precisam ser substituídos para permitir níveis de energia melhores e aperfeiçoar o tempo de recuperação.

Um bom multivitamínico preenche todos os “buracos” na dieta. Estes produtos multivitamínicos têm sido desenvolvidos para os atletas, os fisiculturistas e qualquer um que treina duro. Um bom multivitamínico é muitas vezes um dos suplementos que passam despercebidos, mas é um dos mais importantes.

Leia também: “Multivitamínicos – Por que os Atletas Precisam de Multivitamínicos?

Ácidos Graxos Essenciais

As gorduras são um dos três macronutrientes essenciais para a sobrevivência e são utilizadas em muitos dos mecanismos do corpo para a sobrevivência, como a produção de energia, a função imunológica, forma parte das estruturas do corpo, o isolamento e a proteção dos órgãos vitais, a visão e a síntese de hormônios importantes como o estrogênio e a testosterona.

Os óleos saudáveis e ácidos graxos essenciais são conhecidos por melhorar a saúde geral, a vitalidade e a função cerebral. As “gorduras boas” são conhecidas como ácidos graxos monoinsaturados e/ou poli-insaturados, são líquidos à temperatura ambiente, e incluem os ácidos graxos essenciais ômega-3, ômega-6 e ômega-9. Os óleos saudáveis também desempenham um papel importante na construção muscular e na perda de gordura. Um estudo dinamarquês demonstrou que a suplementação com a proporção correta de ácidos graxos essenciais pode aumentar a resistência, melhorar o desenvolvimento muscular, a recuperação da velocidade e melhorar a função cardiovascular.