Alguns dos chamados suplementos de óxido nítrico incluem um ingrediente denominado “extrato de beterraba”, geralmente sob a forma de Beta vulgaris. A justificativa para o uso desta planta é que o suco de beterraba foi demonstrado para melhorar preferencialmente a entrega de oxigênio durante a contração dos músculos esqueléticos compostos predominantemente por fibras rápidas, predominantes entre outros grupos de atletas, em fisiculturistas.

Isto ocorre pela presença do íon nitrato (NO3-) na beterraba, que uma vez no organismo, se metaboliza em nitrito (NO2-) e óxido nítrico (NO).

Recentemente, foi publicado um estudo bastante interessante que demonstrou pela primeira vez que a suplementação com NO3- produz uma elevação da pressão parcial intramuscular de oxigênio (PpO2) no músculo principal que está sendo trabalhado, se este possui predominantemente fibras rápidas.

Como afeta o rendimento com pesos?

1. As fibras rápidas possuem menos capacidade oxidativa do que as fibras lentas (tipo I), por isso que durante o exercício, a PpO2 é menor nelas.

2. Uma menor PpO2 gera um ambiente físico-químico que favorece a hipóxia periférica (pH mais baixo, alta de lactato). Além disso, esta diminuição na PpO2 suprime a produção endógena de NO a partir das enzimas neuronais (nNOS, presente em fibras do tipo II) e endotelial (eNOS).

Influência dos Suplementos de Óxido Nítrico nas Diferentes Fibras Musculares

3. A suplementação com NO3- eleva e melhora essa PpO2 mediante o aumento da entrega de O2, e reduzindo o custo de O2 desse exercício em particular.

4. Maior PpO2 = ↑ pH = ↓ lactato = ↓ fadiga periférica = melhora no rendimento do exercício de alta intensidade, especialmente mantendo a rápida velocidade de execução.

O suco de beterraba, então, tem demonstrado sua capacidade de melhorar o rendimento. Alguns suplementos que contém o seu extrato são:

Outros efeitos saudáveis do suplemento de oxido nítrico:

Também melhora o sistema reprodutivo, pois nos homens se mantém a função sexual normal à medida que se envelhece; ou seja, não piora a quantidade e qualidade das ereções. Nas mulheres, por outro lado, pode aumentar o fluxo sanguíneo do clitóris, o que está diretamente relacionado, de acordo com a pesquisa em sexo mais agradável e um maior desejo sexual.