Fast Food: 7 Efeitos Colaterais Graves Do Seu Consumo

Se você é alguém que adora comer fast food, provavelmente só pensa nos gostos e praticidades destes alimentos. Mas e se nós te disséssemos que você também deve pensar sobre os efeitos em curto e longo prazo da combinação do seu próximo hambúrguer e batatas fritas?

Fast food pode ser rápido, fácil e barato, mas infelizmente, comer fast food traz um monte de riscos ocultos e efeitos colaterais. Hoje, vamos fazer um resumo de alguns dos problemas de saúde mais terríveis e inesperados da indústria de fast food. Aviso: comer fast food está prestes a ficar muito assustador.

Efeitos Colaterais do Consumo de Fast Foods:

1. Carne que nem sempre é carne: Recentemente, testes de DNA colocaram em dúvida em relação ao que é realmente a carne de galinha presente nos muitos fornecedores de fast food. De acordo com um relatório canadense, testes de DNA destacaram o Subway como a pior rede de fast food quando se tratava da qualidade da sua carne de frango.

Fast Food: 7 Efeitos Colaterais Graves do Seu Consumo

Os destaques, ou melhor os pontos baixos, deste teste de DNA incluem:

  • As carnes de frango do Subway tinham apenas 50% de frango. A outra metade era soja.
  • Em geral, a carne de frango presente no de fast food tem cerca de um quarto a menos proteína do que frango caseiro.
  • Carne de frango de fast foods têm níveis de sódio 7 a 10 vezes mais elevados do que de um pedaço de frango normal.

Estas descobertas ruins sobre o uso da "carne" nas cadeias de fast food também não é um fenômeno novo. Um relatório anterior de 2013, intitulado como "A Autópsia dos Nuggets de Frango", apresentado no The American Journal of Medicine, revelou os conteúdos reais dos nuggets de frango a partir de duas cadeias nacionais de fast food. Os pesquisadores descobriram que em vez de ser carne de frango, eles eram principalmente constituídos de gordura, juntamente com osso, nervo e tecido conjuntivo.

2. Aumenta o risco de câncer: Comer fast food, como batatas fritas também pode aumentar o risco de câncer. Você sabia que as batatas fritas contêm acrilamida? Essa substância coloca esse alimento no topo da lista de alimentos potencialmente causadores de câncer por uma boa razão. As batatas cruas não parecem conter a acrilamida, mas quando estes vegetais são fritos em altas temperaturas, uma reação química ocorre e forma a acrilamida. Quanto mais quente e mais longo for o cozimento, maior será o conteúdo deste composto químico indesejável. De acordo com a American Cancer Society, as batatas fritas parecem ter os mais altos níveis de acrilamida.

O National Cancer Institute, relata que estudos em animais sugerem que a exposição à acrilamida aumenta o risco de vários tipos de câncer. Embora seja necessário realizar mais pesquisas humanas, o Programa Nacional de Toxicologia e a Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer já considera a acrilamida um "provável carcinógeno humano".

3. Embalagens venenosas: Você sabia que a maioria das embalagens de fast food contêm potenciais ingredientes causadores de câncer? De acordo com um estudo de 2017 que apareceu no Environmental Science & Technology Letters, as embalagens de fast food contêm substâncias químicas conhecidas por serem prejudiciais para a saúde humana. Uma das piores classes de produtos químicos encontrados são as substâncias per-fluoralquilo, conhecidas coletivamente como PFASs, que são descritas como substâncias químicas sintéticas altamente persistentes, algumas das quais têm sido associadas com câncer, desenvolvimento de toxicidade, imunotoxicidade e outros efeitos graves para a saúde.

Usadas para evitar que a gordura do fast food vá parar em suas mãos e roupas, os produtos químicos facilmente transferem-se para o seu alimento. Este estudo em particular descobriu que os produtos químicos nas embalagens anti-gordura dos alimentos podem facilmente migrar para os conteúdos alimentares presentes nas mesmas.

Leia também: "Os Adoçantes São Seguros Para a Saúde?".

4. Alta quantidade de edulcorantes: Se você conseguisse se concentrar nos ingredientes reais dos de fast foods, provavelmente iria encontrar xarope de milho destrutivo de alta frutose, adoçantes artificiais perigosos, conservantes e uma variedade de substâncias artificiais altamente tóxicas. Por que se preocupar com xarope de milho de alta frutose? As razões são abundantes, mas para começar, ele aumenta o risco de problemas de saúde crônicos e mortais, incluindo obesidade, diabetes, hipertensão e doenças cardíacas. Enquanto isso, edulcorantes falsos como aspartame, sucralose e sacarina estão ligados ao ganho de peso, dores de cabeça, enxaqueca, diabetes tipo 2 e doenças cardiovasculares.

5. Causa enxaqueca: Você já teve uma dor de cabeça ou pior ainda, uma enxaqueca, depois de comer fast food? O glutamato monossódico é comum nestes alimentos. Essa substância, é um dos piores ingredientes que você pode encontrar e deve ser evitado, e é adicionado aos alimentos para aumentar o seu sabor. Outros ingredientes alimentares muitas vezes mascaram a presença do glutamato monossódico, como levedura autolisato, caseinato de sódio, levedura, aromatizante natural ou ácido glutâmico.

Reações conhecidas comuns ao glutamato monossódico incluem dores de cabeça, náuseas e fraqueza. Pessoas que consomem essa substância em abundância, também podem experimentar problemas respiratórios, alterações da frequência cardíaca e sensação de queimação nos antebraços e/ou na região posterior do pescoço. O glutamato monossódico é também um dos principais ingredientes ligados à temida dor de cabeça provocada pela enxaqueca.

6. Altas doses de corantes e conservantes: Se você olhar os ingredientes do fast food, vai encontrar facilmente corantes alimentares como vermelho 40, amarelo 5 e azul 1, além de um grande número de conservantes. Numerosos estudos ligam tanto os corantes alimentares artificiais como os conservantes, ao transtorno de déficit de atenção com hiperatividade (TDAH) em crianças.

7. Contém antibióticos: É ruim que você possa não estar comendo 100% de carne de frango em certos restaurantes fast foods, mas o pior é que você pode estar recebendo uma dose de drogas, também. Em um recente relatório do Chain Reaction II, que se concentram no uso de antibióticos presentes em todas as carnes, constatou que maioria das carne de fast food são produzidas com altas doses de antibióticos administradas aos animais, uma prática que transforma o que poderia ser uma fonte de proteína saudável, em uma carne com efeitos indesejáveis e negativos para a saúde. Comer carnes de fast food realmente pode colocar em perigo nossa saúde.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto