O declínio das nossas capacidades mentais começa mais cedo do que se pensava anteriormente.

Sempre nos referimos a velhice como o momento que nossa memória e raciocínio começam a falhar, mas a ciência tem visto que isto ocorre antes, ou seja, a partir dos 45 anos.

Entender o envelhecimento cognitivo é um dos desafios de um Centro de Investigações em Epidemiologia e Saúde da População (França) e University College de Londres (Reino Unido), pois a memória e o raciocínio parecem começar a diminuir por volta dos 40 anos.

Os cientistas, cujo trabalho é publicado pelo British Medical Journal, estudaram e acompanharam a saúde mental de mais de 7.000 pessoas, durante um período de 10 anos.

O estudo teve como alvo os funcionários públicos do Reino Unido, com idades entre 45 e 70 anos e foi realizado entre 1997 e 2007, e levou em conta os diferentes níveis de estudo de todos eles.

Por 10 anos se avaliou por três vezes suas habilidades de memória, vocabulário, audição e compreensão. Entre os exercícios aplicados podemos destacar: escrever a maior quantidade de palavras que pudessem se lembrar iniciadas pela letra “S” e também a maior quantidade de nomes de animais com “S”.

Em todas as capacidades cognitivas, com exceção do vocabulário, houve um declínio em todos os grupos etários estudados, e foi detectado que o declínio foi mais rápido entre os funcionários com mais idade.

A Memória Começa a Declinar Após os 45 Anos

O estudo mostrou a importância de se levar uma vida saudável, pois o que é bom para o coração é bom para a memória em longo prazo. “Há um consenso de que o que é bom para o coração é bom para a cabeça”, dizem os autores.

Para mais informações sobre como melhorar a sua memória, não deixe de ler “Alimentos que Ajudam a Melhorar a sua Memória“.