A neuralgia do trigêmeo é conhecida como a irritação ou a inflamação de um ou mais nervos que causa uma dor súbita, aguda e muito intensa que começa, pela primeira vez em um ponto e logo se estende para outras áreas próximas.

No caso de neuralgia do trigêmeo, a dor pode começar nas bochechas e, em seguida, pode ser refletida para o queixo e testa.

Qualquer estímulo pode desencadear um ataque durante os surtos, que tendem a durar semanas ou meses. As dores, intensas e prolongadas, costumam ter um caráter desolador e profundo e se apresentam apenas em uma metade da face.

Consulte um médico ou dentista quando sofrer de neuralgia do trigêmeo para que ele possa verificar se existe ou não um foco purulento nos dentes ou alguma inflamação no nervo. A neuralgia produz uma dor extremamente intensa.

Remédios Caseiros Para Neuralgia do Trigêmeo

É importante observar que, na maioria dos casos, a medicina se mostra incapaz de determinar as causas da irritação ou inflamação do trigêmeo. Nestes casos, os remédios caseiros, naturais e homeopáticos podem ajudar a aliviar os sintomas.

Chá de Erva de São João

Ferva por 5 minutos, 1 colher de sopa de erva de São João em um copo de água. Tome 2 ou 3 xícaras por dia.

Óleo Essencial de Camomila

Macere 100 gramas de flores de camomila, durante 3 horas, em um litro de azeite de oliva aquecido em banho Maria. Em seguida, em uma panela, filtre uma ou duas vezes a maceração e armazene em uma garrafa ou um frasco com tampa de rosca. Em seguida, mergulhe os dedos com algumas gotas deste óleo e pratique, o quanto for necessário, uma massagem de vários minutos de duração na zona onde se apresenta a neuralgia.

Compressa Quente

Coloque sobre a área da neuralgia uma compressa ou gaze de água quente (1 minuto). Uma vez que perde o calor, coloque outra compressa. Repita a operação cinco vezes até que se observe alguma melhora (remédio de hidroterapia).

Chá de Sálvia ou Érva-Cidreira

Beba um chá de sálvia ou erva-cidreira. Para isso, deve-se ferver durante 5 minutos, duas colheres de sopa de sálvia ou erva-cidreira em um copo de água. Tome esta infusão, enquanto ainda estiver quente, três vezes por dia.

Argila

Prepare uma massa com argila. Para isso, deve-se despejar em um recipiente (que não seja de metal), meio copo de argila em pó e, em seguida, cubra com água quente, a qual deve ser suportável ao toque. Em seguida, deixar repousar durante alguns minutos, após os quais poderá ser aplicada diretamente sobre a área dolorida.

Óleo Essencial de Rosa

Esfregue a área com neuralgia com óleo essencial de rosa ou erva-cidreira diluído em óleo de girassol. (Remédio de Aromaterapia).

Compressa de Calêndula

Ferva três colheres de sopa de calêndula em um litro de água durante 5 minutos. Em seguida, molhe um pano de algodão com esta mistura e aplique sobre a área afetada.

Acupressão

Pegue suavemente entre o polegar e dedo indicador o lóbulo da orelha no lado afetado. Justamente acima do lóbulo perceberá, com a ponta do indicador, uma protuberância muito clara e dura.

Esta protuberância você deve pressionar com toda a força possível entre o polegar e o indicador, cerca de cinco vezes seguidas. Normalmente, basta tratar o lado afetado. Mas tampouco prejudica tratar o lado saudável. Muitos médicos chineses inclusive recomendam fazê-lo assim, por ter efeitos preventivos.

Dicas Para Prevenir a Neuralgia

As pessoas que sofrem de neuralgia sabem o quão doloroso pode ser. A partir disso, oferecemos uma série de recomendações para preveni-la:

  • Mantenha uma dieta equilibrada e saudável.
  • Consuma levedo de cerveja, já que este complemento dietético contém vitaminas do grupo B, o qual é muito eficaz na prevenção da neuralgia.
  • Não beba álcool, já que pode ter efeitos prejudiciais sobre os nervos.
  • Evite mascar chicletes e ranger os dentes, se você tem propensão a sofrer de neuralgia do trigêmeo.

Atenção, as sugestões encontradas nesse artigo não possuem base científica comprovada, sendo assim não devem ser substituídas, em hipótese alguma, por um tratamento médico convencional e/ou ao seguir essas sugestões, os sintomas ou condições a que esse artigo se propõem ajudar podem se agravar.