Para aqueles que pensam que o endro apenas serve para lançar sobre o peixe para dar-lhe um bom sabor e dar-lhe um pouco de cor, queremos dizer, a partir de Saúde Dicas, que esta planta aromática é mais do que vemos e pode ajudar na vida diária, melhorando a nossa saúde.

Como você sabe, a natureza nos deixa à nossa disposição e de forma gratuita ou muito acessível, tratamentos que nos ajudarão a melhorar a saúde, tornando-nos mais fortes a partir de dentro, cuidando da nossa pele, nosso cabelo... O endro é um dos presentes natureza e vamos te mostrar, de bom grado, as propriedades e os benefícios do endro.

O endro já era usado na Idade Média como uma erva curativa. Era considerado também protetor contra a energia negativa e feitiçaria, por isso podemos ver que era uma planta bastante completa. Já não falamos de uma planta aromática, mas de uma planta que espanta os males.

Endro: Propriedades e Benefícios

Atualmente, o endro é usado na cozinha como tempero e cada vez é mais popular devido ao seu sabor que é capaz de intensificar a maioria dos alimentos. É bastante versátil e combina muito bem com outras ervas e especiarias, de maneira que não consegue esconder o seu sabor entre elas, se é combinado devidamente.

Tem sido relacionado pela facilidade de combinação que tem com o peixe, já que aumenta o seu paladar pelo sabor agridoce que tem esta erva e graças à sua versatilidade, no momento em que são picadas, podem ser combinadas com qualquer alimento.

É cultivado em grandes quantidades na Ucrânia, Itália, Turquia, Escandinávia, Polônia e Rússia, onde é amplamente utilizado e onde exportam para outros países, para que possam desfrutar também das suas propriedades.

Leia também: "Hoodia Gordonii: Propriedades e Benefícios".

Propriedades do Endro:

As propriedades do endro, além do sabor que possuía eram desconhecidas para muitos e agora, pouco a pouco, estamos vendo a luz do sol. Suas propriedades são as seguintes:

  • Digestivas
  • Carminativas
  • Galactógenas
  • Antiespasmódicas
  • Antissépticas
  • Diuréticas
  • Anti-hemorroidais
  • Eupépticas
  • Sedativas

Quase nada em comparação com o que pensávamos que oferecia o endro, que era apenas o sabor. Cada vez que preparamos um alimento e adicionamos esta erva aromática, estamos dando ao nosso prato, uma boa dose de saúde.

Benefícios do Endro:

Como dissemos, na Idade Média era uma planta que espantava todos os males. E, neste caso, os males são digestivos e gastrointestinais.

É uma grande fonte de vitamina C, por isso estamos reforçando o nosso sistema imunológico e criando uma forte barreira contra agentes infecciosos.

Ajuda a proteger contra os radicais livres, por isso é recomendado para pessoas que são de pele sensível, uma vez que as protegerá. Também é rico em cálcio, por isso, se você adicionar uma boa dose de luz solar por dia para fixar o cálcio, conseguirá fortalecer os ossos do seu corpo e os dentes.

Os benefícios mais chamativos certamente são aqueles relacionados à digestão, já que ajuda a serem realizadas as digestões mais pesadas, promove o trânsito intestinal e graças ao fato que permite um correto funcionamento do intestino, ajuda a controlar a diarreia e prisão de ventre, ajudando a combater as infecções que estejam relacionadas com o sistema digestivo. Pode trabalhar também para melhorar cólicas e controlar as flatulências na digestão, que podem chegar a ser dolorosas.

Fora isso, ajuda a controlar a náusea, por isso é bom para as grávidas nas primeiras semanas e também ajuda na produção de leite após o parto. Se você tiver a menstruação irregular, ajudará a combater as dores e tratar de maneira natural à amenorreia.

Para seu uso externo, devido ao seu poder antisséptico, é perfeito para as feridas, já que as protege de infecções e evita que os vírus e as bactérias proliferem na ferida.

Leia também: "Sálvia: Propriedades e Benefícios".

Usos do Endro:

Graças à sua versatilidade, podemos dizer que pode ser tomado de qualquer maneira. Dependendo dos gostos das pessoas, podem tomar o endro em suas refeições, polvilhado sobre os pescados e mariscos, sobre batatas e cremes frios ou misturado com saladas.

Ou se você quiser algo muito mais intenso, sempre poderá preparar uma infusão de endro, onde combinando com outras ervas aromáticas e sem adição de açúcar, para não quebrar suas propriedades, se converte em um digestivo perfeito para depois das refeições, especialmente se você tem digestões difíceis ou teve alguma úlcera, onde as mucosas do estômago ainda estão irritadas ou se tem náuseas por um caso ou outro.

Tomando uma infusão de endro ou adicionando-o à sua comida ou batido (muito comum em batidos verdes), você pode desfrutar de suas propriedades da maneira mais simples.

Cultivo do Endro:

Para poder ter à mão sempre que precisar esta planta milagrosa, o melhor que você pode fazer é cultivá-la, porque, além de simples, não são necessários muitos cuidados especiais nem tantos apetrechos, como algumas plantas.

Você pode fazê-lo em uma grande panela, porque não ocupa muito espaço, no princípio, mas depois vai crescendo e é melhor não transplantá-la, porque não suporta muito bem. Apenas tem que cultivar as sementes na primavera, mas sempre que as temperaturas sejam quentes, não há problema. Não suporta o frio nem as geadas, por isso você terá que mantê-lo em um lugar quente da casa, para que não congele ou morra.

Começará a germinar em um par de semanas, no máximo, e então, você terá que colocá-lo no sol um par de horas e regar cerca de três vezes por dia, mas não de maneira abundante. Desta forma, você conseguira o endro fresco em um par de meses. A partir daí, continuará florescendo e seguirá dando ramos aromáticos e frescos que podem ser adicionados as suas refeições imediatamente.

Desta forma, teremos o endro ao alcance de nossas mãos, para que possamos usá-lo sempre que precisarmos, sempre que nosso estômago nos peça uma solução imediata.

Você conhece algum outro remédio para o qual se utiliza o endro? Não hesite em compartilhar conosco, para descobrir mais propriedades e benefícios do endro.