À faringite é, como o próprio nome indica, uma inflamação da faringe, órgão em forma de tubo muscular localizado atrás das fossas nasais e da boca que chega até a parte superior do pescoço onde se junta com o esôfago (sistema digestivo) e laringe (vias respiratórias).

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A faringe é importante, já que, graças a ela, o ar chega até a laringe e o alimento a partir da boca alcança o esôfago.

Como resultado, a qualidade do ar que respiramos (frio, com fumaça de cigarro, fumaça de veículos, etc.) e o tipo de alimento que consumimos (sorvete, bebidas alcoólicas, etc.), podem se tornar inflamado causando faringite.

Entre os sintomas mais comuns de faringite estão:

Remédios Caseiros Para Faringite
  • Punções ou dor ao engolir alimentos.
  • Sensação de ocupação no pescoço.
  • Leve coceira.
  • Secreções.
  • Tosse leve.

A faringite pode ser aguda ou crônica. No primeiro caso, costuma acompanhar as constipações das vias respiratórias superiores ou constituir o início de um corrimento nasal.

Quanto à faringite crônica ou recorrente, esta se manifesta entre os fumantes, bebedores, cantores, oradores, ou em pessoas com um desvio de septo nasal, sinusite crônica, etc.

Remédios Caseiros Para Faringite

  • Despeje em meio litro de água fervendo 1 colher de sopa de flores de sabugueiro. Deixe repousar por 15 minutos, em seguida, coe. Realize gargarejos cinco vezes por dia durante 5 minutos.
  • Despeje sobre uma xícara de água fervendo 1 colher de sopa de tomilho. Deixe repousar a preparação durante 15 minutos e coe. Adicione o suco de meio limão e uma colher de sopa de mel. Faça gargarejos com parte do líquido durante 5 minutos e o resto beba em três tomadas distribuídas ao longo do dia. Este remédio é anti-inflamatório e, por sua vez, analgésico.
  • Rale 2 cenouras e coloque em maceração toda a noite com 4 colheres de sopa de mel de tomilho. Na manhã seguinte, filtre e agregue o suco de limão e tome durante o dia aos goles.
  • Ferva 100 gramas de cevada integral moída em 1 litro de água por 30 minutos. Coe o líquido e faça gargarejos 5 vezes por dia com um pouco de mel.
  • Umedeça um pano limpo ou uma gaze com água morna e coloque sobre a parte superior do pescoço. Mantenha ali, enquanto estiver quente.
  • Faça um gargarejo misturando 1 colher de sopa de vinagre de maçã em meio copo de água.
  • Lave dois tomates, corte em rodelas e extraia as sementes. Coloque no liquidificador junto com meio copo de água e bata. Beba o suco lentamente.
  • Despeje 1 colher de sopa de equinácea em uma xícara de água quente. Cubra e deixe esfriar. Tome uma xícara durante 1 semana (especialmente em época de resfriados ou gripe), a fim de prevenir doenças das vias respiratórias, como laringite.
  • Despeje ½ litro de água fervendo sobre 2 colheres de sopa de folhas de sálvia previamente lavadas. Cubra e deixe descansar por 10 minutos. Coe e faça gargarejos várias vezes por dia com esta infusão logo que os primeiros sintomas se apresentam.
  • Esprema um limão, adicione 1 colher de chá de mel de flor de laranjeira e uma pitada de gengibre em pó. Realize com esta preparação várias vezes por dia.
  • Ferva 30 gramas de folhas e flores de Gatuna em um litro de água por 10 minutos. Após esse tempo, retire do fogo e deixe descansar por 5 minutos. Filtre o líquido e faça gargarejos com esta preparação várias vezes por dia.
  • Despeje 1 colher de sopa de folhas secas de capim-limão ou erva de limão em uma xícara de água que está fervendo. Tome 1 xícara três vezes ao dia; durante 7 dias.
  • Ferva um punhado de folhas secas de agrimônia em um litro de água até reduzir pela metade. Adoce com mel e realize vários gargarejos por dia.
  • Coloque um brócolis, suco de uma goiaba, suco de um tomate e uma xícara de infusão de folhas de urucum (previamente lavadas) em um liquidificador e bata por alguns instantes. Beba este suco duas vezes ao dia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Leia também: "Dor de Garganta – Remédios Caseiros Para a Dor de Garganta".

  • Utilize a infusão de folhas, de preferência frescas, de erísimo na razão de 6 gramas por xícara de água fervendo, deixando em infusão durante 20 minutos. O erísimo é excelente não apenas para reduzir a secura e inflamação da faringe, mas também contra a rouquidão e a traqueite. Podem se beneficiar enormemente desta planta todos aqueles que têm que falar por um longo tempo em público: pregadores, atores, advogados, professores, conferencistas, etc. Não use uma variedade de erísimo cultivada em jardins para fazer canteiros de sólidos.
  • Ferva 10 gramas de flores de Eufrásia em 1 litro de água durante 10 minutos e coe. Realize gargarejos várias vezes por dia.
  • Coloque no liquidificador uma goiaba picada, a polpa de um maracujá e o suco de uma laranja. Misture por alguns instantes. Tome 3 vezes ao dia.
  • Ferva de 3 a 5 frutos de quiabo ou Chimbombó e realize gargarejos com o suco mucilaginoso resultante, várias vezes ao dia.
  • Ferva em uma xícara de água 1 colher de sopa de folhas matico durante 5 minutos. Cubra e deixe esfriar. Tome 2 xícaras por dia.

Leia também: "Laringite – Remédios Caseiros Para Laringite".

Recomendações

Tome frequentemente água ou sucos naturais para manter úmida a faringe. Aconselha-se que estes estejam quentes, já que podem ser sentidos mais calmantes que os frios.

Deixar de fumar. A fumaça do cigarro pode piorar a situação. Se você não pode parar completamente, pelo menos, deixe de fumar, enquanto tem faringite.

Evite os fumantes. Mesmo o fumo passivo irrita a garganta. Se você vive com um fumante, resulta conveniente pedir a ele ou ela que leve seu fumo para fora.

Abstenha-se de bebidas alcoólicas. O álcool desidrata, que é o oposto do que precisa a faringe.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Reduzir a cafeína. Como o álcool, a cafeína de café, e os refrigerantes com cola desidratam.

Umedecer o ar. O aquecimento interno das casas extrai a umidade do ar durante o inverno. Por isso, resulta importante usar um umidificador ou um vaporizador portátil. Igualmente válido é respirar o vapor de uma chaleira ou de uma panela de água fervendo.

Evitar lugares empoeirados. O pó é irritante, e esses lugares muitas vezes também são secos, o que agrava o problema.

Tenha cuidado com certos medicamentos secantes. Os medicamentos como anti-histamínicos (dê preferência aos anti-histamínicos naturais) e os diuréticos podem secar a boca e a garganta. É importante conversar com seu médico se estiver tomando estes medicamentos e tem faringite. Desta forma, o especialista poderá trocar por outros.

Consulte o seu médico nos seguintes casos:

  • Se existe uma forte dor.
  • Se existe uma febre alta que não cede.
  • Se tiver dificuldade para respirar.
  • Se você tossir sangue.